2 eventos ao vivo

Etiene Medeiros comemora tempo e medalha de ouro nos 100m livre

19 abr 2019
08h41
  • separator
  • 0
  • comentários

Etiene Medeiros voltou a ter um bom resultado na prova mais veloz da natação durante a noite da última quinta-feira. Na disputa pelo pódio dos 100m livre do Troféu Maria Lenk, a nadadora do Sesi-SP foi a primeira brasileira a bater na frente com o tempo de 54s48, seguida de Larissa Oliveira (54s49), do Pinheiros, e Daynara de Paula (55s18), também do Sesi-SP.

Na frente de todas as brasileiras, a americana Mallory Comerford, que defende as cores do Minas Tênis Clube, obteve tempo de 53s33 (pelos critérios da competição, quando há estrangeiras no pódio, se premia também o primeiro atleta brasileiro e assim sucessivamente). Neste caso, Etiene ficou com o ouro, a Larissa com a prata e Daynara com o bronze.

Sem esconder a felicidade, Etiene exaltou o resultado. "Mais uma medalha de ouro. Sem palavras, pois é uma prova para mim bem difícil de nadar e mais uma vez fazia um certo tempo que não nadava bem. Não foi o meu melhor tempo, mas foi bem próximo. Estou muito feliz por ter conquistado mais uma medalha de ouro para a minha equipe", disse.

"Muito bom ter a Mallory aqui, ela está nadando pelo Minas, porém é uma referência mundial, deixando assim a prova mais competitiva. A agradeci por ter vindo ao Brasil. E essa é a intenção, deixar sempre as provas mais competitivas. Isso foi muito bom para a nossa natação", finalizou.

Em 2015, no Open na cidade de Palhoça, em Santa Catarina, seletiva olímpica, Etiene Medeiros fez seu melhor tempo nos 100m livre (54s26), batendo o recorde sul-americano à época e garantindo vaga nos Jogos Olímpicos do Rio. De lá para cá, a nadadora do Sesi-SP vinha buscando uma melhor performance na prova, o que aconteceu na noite da quinta-feira.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade