PUBLICIDADE
Logo do

Corinthians

Meu time

Corinthians troca muitos passes, mas é um dos que menos finalizam no Brasileirão-2021

Timão tem média de mais de 400 passes certos por jogo, mas é o segundo pior em assistências para finalização na edição deste ano, segundo estatísticas do Footstats

15 set 2021 07h01
| atualizado às 07h01
ver comentários
Publicidade

O Corinthians melhorou demais durante a disputa do Brasileirão-2021, tanto é que está na sexta posição na tabela. No entanto, com os reforços e com mais tempo de trabalho é possível vislumbrar voos maiores. Para descobrir os pontos que ainda precisam de aperfeiçoamento, o LANCE! buscou os números do Footstats, que mostram um time que gosta de trocar passes, mas que tem bastante dificuldade na criação de jogadas em comparação com os adversários.

Corinthians tem tido dificuldade para criar jogadas de ataque no Brasileirão (Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians)
Corinthians tem tido dificuldade para criar jogadas de ataque no Brasileirão (Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians)
Foto: Lance!

TABELA

GALERIA

Após 20 rodadas quase completas, já que alguns clubes ainda precisam cumprir jogos adiados, o Timão figura entre as quatro equipes que, em média, acertam mais passes na competição, atrás apenas de Atlético-MG, Santos e Flamengo, que têm por característica ficar mais com a bola. Além disso, esse quarteto é formado pelos únicos com índice superior a 400 passes por jogo.

Flamengo - 469,53 passes certos por jogo

Santos - 452,05 passes certos por jogo

Atlético-MG - 430,32 passes certos por jogo

Corinthians - 407,85 passes certos por jogo

Acontece que o Corinthians não consegue aproveitar esse volume de passes para criar jogadas de ataque. Quando recorremos aos números de finalizações, a equipe de Sylvinho é a terceira pior do campeonato neste momento com somente 9,4 chutes por partida. O time fica na frente apenas de Fluminense e Atlético-GO. O Flamengo, para se ter noção, finaliza 16 vezes por duelo.

Atlético-GO - 9,11 finalizações por jogo

Fluminense - 9,35 finalizações por jogo

Corinthians - 9,40 finalizações por jogo

Líder do ranking: Flamengo - 16 finalizações por jogo

Mas a dificuldade do Timão no ataque não se resume apenas no baixo número de finalizações, mas também na origem disse, que é na criação dessas oportunidades de gol. O Alvinegro é a segunda pior equipe no quesito "assistências para finalização" com média de apenas 6,5 por partida, melhor do que o Fluminense, que se encontra na lanterna desse ranking. O Flamengo, novamente, lidera a lista com 11,18 por jogo, o dobro do Corinthians.

Fluminense - 5,95 assistências para finalização por jogo

Corinthians - 6,50 assistências para finalização por jogo

Atlético-GO - 6,58 assistências para finalização por jogo

Líder do ranking: Flamengo - 11,18 assistências para finalização por jogo

Apesar de o setor defensivo parecer mais ajeitado do que o ofensivo, justamente por ter uma das três menores médias de gols sofridos do campeonato (0,85), é preciso ficar atento a uma estatística: a de finalizações sofridas. Atualmente, o Corinthians é o sexto time que mais recebe chutes neste momento da competição, com média de 12,10 por jogo.

Chapecoense - 15,25 finalizações sofridas por jogo

RB Bragantino - 13,74 finalizações sofridas por jogo

Athletico-PR - 13,47 finalizações sofridas por jogo

Atlético-GO - 13,05 finalizações sofridas por jogo

Sport - 13,05 finalizações sofridas por jogo

Corinthians - 12,10 finalizações sofridas por jogo

Para aperfeiçoar esses e outros quesitos, Sylvinho tem contado com semanas livres e a chegada de reforços. Antes de enfrentar o América-MG, neste domingo, às 18h15, na Neo Química Arena, o Timão terá mais quatro dias de treinamento. Atualmente, a equipe ocupa a sexta posição no Brasileirão.

Lance!
Publicidade
Publicidade