PUBLICIDADE
Logo do

Seleção Brasileira

Meu time

Governo Federal edita norma, flexibiliza quarentena e libera brasileiros que atuam na Inglaterra

Com Portaria 658, comandados de Tite que atuam no Reino Unido e uruguaio Cavani não terão problemas para atuarem no dia 14 em Manaus

6 out 2021 12h56
| atualizado às 13h20
ver comentários
Publicidade

O Governo Federal publicou na última terça-feira (5) uma nova portaria na qual anunciou alterações na entrada de estrangeiros em território brasileiro. Com data de 2 de outubro, a portaria 658 atualiza o texto anterior, da portaria 657 de 2 de outubro (sábado), e exclui restrições mais rígidas em período de pandemia. Brasileiros ou estrangeiros que vierem de qualquer outro país deverão preencher formulário de ingresso no Brasil e apresentar teste PCR negativo para Covid-19.

Gabriel Jesus, do City, e Thiago Silva, do Chelsea: convocados de Tite para a Data Fifa (Foto: Lucas Figueiredo / CBF)
Gabriel Jesus, do City, e Thiago Silva, do Chelsea: convocados de Tite para a Data Fifa (Foto: Lucas Figueiredo / CBF)
Foto: Lance!
script src="//player.daznservices.com/player.js#d3433344d9573b7cb3133487ad.1leg08rzi18hg1773w6q2so4l0$videoid=1fx4ebleeduco1ou1udvt6hbp5" async>

A nova medida torna sem efeito a solicitação de excepcionalidade da CBF para entrada dos brasileiros que atuam na Inglaterra. O mais recente foi Douglas Luiz, do Aston Villa, convocado para o lugar de Casemiro. Além disto, Edison Cavani, atacante do Manchester United, terá condições de atuar no Uruguai. As duas seleções se enfrentarão no dia 14, em Manaus.

A CBF chegou a enviar enviado ao governo federal no dia 17 de setembro pedido especial para liberar atletas que atuam na Inglaterra e também o uruguaio Cavani. O intuito era evitar imbróglios na chegada de qualquer atleta, conforme havia ocorrido no duelo entre Brasil e Argentina, na Neo Química Arena, quando quatro jogadores argentinos não comunicaram que tinham passado pelo Reino Unido.

Lance!
Publicidade
Publicidade