PUBLICIDADE
Logo do Flamengo

Flamengo

Favoritar Time

Botafogo a um passo das maiores 'entregadas' de título. Relembre a lista

A péssima fase do Botafogo, afinal, pode pôr fim ao sonho do título do Brasileirão já na penúltima rodada. Antes com uma vantagem de 13 pontos, o time alvinegro despencou técnica e psicologicamente e foi ultrapassado pelo Palmeiras (66 a 63 pontos). A virada inacreditável causou o debate: é a maior "entregada" da história dos […] O post Botafogo a um passo das maiores 'entregadas' de título. Relembre a lista apareceu primeiro em Jogada 10 | Últimas notícias de Futebol.

2 dez 2023 - 08h27
(atualizado às 10h43)
Compartilhar
Exibir comentários

A péssima fase do Botafogo, afinal, pode pôr fim ao sonho do título do Brasileirão já na penúltima rodada. Antes com uma vantagem de 13 pontos, o time alvinegro despencou técnica e psicologicamente e foi ultrapassado pelo Palmeiras (66 a 63 pontos). A virada inacreditável causou o debate: é a maior "entregada" da história dos pontos corridos? Veja outros exemplos que o Jogada10 relembra abaixo.

Na maior competição nacional, há ao menos cinco outros casos em 21 edições. Além deles, há algumas viradas marcantes no futebol internacional. Porém, nenhuma delas foi igual, ou tão cruel, quanto à atual do Botafogo, que deixou escapar 13 pontos, sofreu derrotas e empates nos acréscimos. Com isso, não sabe o que é vencer há nove partidas. E corre o risco, por sinal, de ficar fora do G4.

GRÊMIO - 2008

Um ano após voltar à Série A, o Tricolor Gaúcho chegou a abrir 11 pontos sobre o São Paulo, a apenas 13 rodadas do fim. A equipe de Muricy Ramalho, no entanto, foi praticamente impecável na reta final e garantiu o bicampeonato. O Grêmio, na ocasião, ainda venceu alguns jogos, mas não foi páreo para a arrancada do então atual campeão, que contou com o brilho de nomes como Hernandes e Dagoberto.

São Paulo de Hernanes teve virada em 20088, mas vacilou em 2018 e 2020 – Paulo Pinto/ saopaulofc.net
São Paulo de Hernanes teve virada em 20088, mas vacilou em 2018 e 2020 – Paulo Pinto/ saopaulofc.net
Foto: Jogada10

PALMEIRAS - 2009 

Favorito para levar a taça este ano, após a queda brutal do Botafogo, o Palmeiras teve seu momento de "pipocada" em 2009. Afinal, liderou o Brasileirão por quase 20 rodadas e mantinha dez pontos à frente do Flamengo a 12 jogos do fim. Mas os inesperados tropeços para os rebaixados Náutico, Sport e Santo André colocaram tudo a perder. Sob a batuta de Andrade e com Pet e Adriano voando, o Rubro-Negro tomou a dianteira na 34ª rodada, foi campeão e viu o Alviverde terminar em quinto lugar, fora da zona de classificação para a Libertadores.

SÃO PAULO - 2018

Depois de nove anos sem viradas impressionantes, a temporada de 2018 reservou mais um segundo turno incrível. O Palmeiras, campeão ao final, terminou o primeiro turno em sexto lugar, a oito pontos do São Paulo. É verdade que o Porco fez fantástica campanha invicta sob o comando de Luiz Felipe Scolari, mas o Tricolor conseguiu a proeza de fechar em quinto, nada menos do que 17 pontos atrás do rival. O time alviverde levou seu décimo Brasileirão com oito pontos de vantagem sobre o vice Flamengo.

INTER E SÃO PAULO - 2020

Esse ano teve entregada em dupla. Afinal, Internacional e São Paulo alternaram na liderança por 29 rodadas. O Tricolor, mais uma vez, aliás, abriu larga vantagem de 11 pontos em certo momento, mas permitiu a aproximação do Colorado e, nos últimos seis jogos, do Flamengo. Na última partida, o São Paulo, já sem chances, até venceu o Rubro-Negro, mas quem tinha a maior chance do título era o Inter, que liderava desde a 30ª rodada e só precisava vencer o Corinthians. Isso não ocorreu, e o caneco foi para a Gávea de maneira inesperada.

Flamengo posa para foto antes do jogo do título de 2020 –
Flamengo posa para foto antes do jogo do título de 2020 –
Foto: Alexandre Vidal / Flamengo / Jogada10

Viradas no futebol internacional

Longe do Brasil também há exemplos de viradas históricas. Em 2004, o Valencia tirou uma vantagem de sete pontos do Real Madrid e foi campeão espanhol pela sexta vez em sua história. A arrancada começou a 12 rodadas do fim e ficou marcada por ter sido contra o "galáctico" time merengue, com craques como Zidane, Beckham, Figo e Raul.

Em 2006, o Boca Juniors chegou à penúltima partida do Torneo Apertura com apenas uma derrota. Mas perdeu os dois últimos jogos e deu a chance para o Estudiantes igualar tudo em 44 pontos. Houve, então, um confronto de desempate. E também houve uma virada nos 90 minutos. Com os gols de Sosa e Pavone, o Estudiantes acabou com a fila de 23 anos.

O Arsenal da temporada 2022/2023 tinha tudo para voltar a ser campeão inglês. Porém, teve como adversário o poderoso Manchester City, que virou o jogo na reta final. Os Gunners fizeram sua parte até certo ponto e lideraram por 27 rodadas, abrindo até sete pontos. Mas, pouco a pouco, a altíssima qualidade dos Citizens fez a diferença. Além de perder o confronto direto, o Arsenal patinou nas últimas partidas.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: Twitter, Instagram e Facebook.

Jogada10
Compartilhar
Publicidade
Publicidade