0
NBA

NBA aprova plano para retomar temporada em julho na Disney

O conselho que reúne os donos dos 30 times da liga aprovou por 29 votos a 1 a volta da temporada no dia 31 de julho em Orlando, na Flórida

4 jun 2020
16h21
atualizado às 16h32
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator
Partida entre Los Angeles Clippers e Los Angeles Lakers pela NBA
08/03/2020 Kirby Lee-USA TODAY Sports
Partida entre Los Angeles Clippers e Los Angeles Lakers pela NBA 08/03/2020 Kirby Lee-USA TODAY Sports
Foto: Reuters

O Conselho de Proprietários da NBA aprovou nesta quinta-feira um plano para reiniciar a temporada da liga norte-americana de basquete, que está suspensa devido à pandemia do coronavírus, no final de julho, na Disney World, na Flórida, segundo reportagens.

Tanto a ESPN quanto o The Athletic, citando fontes não identificadas, disseram que um formato com 22 equipes foi aprovado por 29 a 1 em uma votação.

A NBA, que originalmente teria o início das Finais nesta quinta-feira, não respondeu de imediato quando questionada pela Reuters por e-mail sobre o retorno da temporada.

Como parte do plano, a NBA realizará todos os jogos no Complexo ESPN Wide World of Sports, que fica dentro da Disney World, em Orlando. O complexo tem vários hotéis e arenas, e permitiria que a liga limite a exposição externa.

De acordo com o The Athletic, as equipes realizariam campos de treinamento de 30 de junho a 7 de julho antes de irem para Orlando para retomar a temporada em 31 de julho.

Uma vez na Flórida, as equipes jogariam oito jogos cada para determinar o chaveamento dos playoffs, que seriam compostos por 13 equipes da Conferência Oeste e 9 equipes da Conferência Leste.

A NBA foi a primeira liga esportiva da América do Norte a suspender sua temporada devido à pandemia de Covid-19, depois que um de seus jogadores teve resultado positivo para o novo coronavírus em meados de março.

Veja também:

Diego Maradona morre aos 60 anos vítima de ataque cardíaco
Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade