PUBLICIDADE

Basquete

Ja Morant é suspenso por pelo menos dois jogos pelo Memphis Grizzlies após vídeo com arma

NBA informou que está investigando o vídeo publicado pelo armador, que assumiu responsabilidade sobre o ocorrido

4 mar 2023 - 18h03
(atualizado às 20h47)
Compartilhar
Exibir comentários

Um dos destaques da NBA e astro do Memphis Grizzlies, Ja Morant agora é notícia pelo que faz também fora das quadras. Na manhã deste sábado, o armador apareceu em um live do Instagram segurando uma arma. Por conta disso, a equipe do jogador oficializou que o armador está suspenso, pelo menos, nas próximas duas partidas da equipe na temporada.

Segundo o comunicado do Memphis Grizzlies, Morant "ficará longe do time pelo menos nos próximos dois jogos". Além da punição da franquia, a NBA comunicou que o vídeo em que o armador aparece segurando uma arma está sendo investigado e a liga irá se posicionar futuramente.

"Estamos cientes de uma postagem nas redes sociais envolvendo Ja Morant e estamos investigando", disse o porta-voz da NBA, Mike Bass, em comunicado no sábado.

Ja Morant se posiciona

Após a suspensão da equipe e da NBA informar que investiga o vídeo, Ja Morant se posicionou sobre o vídeo da última madrugada com a arma. Através de nota oficial, o atleta assumiu total responsabilidade sobre a live.

"Assumo total responsabilidade pelas minhas ações. Peço desculpa à minha família, colegas, treinadores, fãs, parceiros, à cidade e a todos os Grizzlies por vos ter desiludido. Vou tirar um tempo fora para procurar ajuda para melhorar", diz o comunicado.

Entenda o caso

Algumas horas após a derrota do Memphis Grizzlies para o Denver Nuggets, Ja Morant iniciou uma live em seu Instagram em uma casa noturna. No vídeo, o armador aparece segurando uma arma e sem camisa.

O vídeo acontece na mesma semana em que foi noticiado, pelo Washington Post, que Morant foi investigado por dois incidentes em que mostrou uma arma para uma pessoa após um desentendimento. Em um deles, o armador teria mostrado a arma para um garoto de 17 anos que jogava basquete em sua casa.

O caso foi investigado pela polícia do condado de Shelby, local onde aconteceu o ocorrido. Na época, Morant informou que a ação foi em legítima defesa e a investigação acabou por falta de provas.

Estadão
Compartilhar
Publicidade
Publicidade