PUBLICIDADE

Curry sofre queda assustadora e ofusca sobrevida de Houston

26 mai 2015 00h48
| atualizado às 10h33
ver comentários
Publicidade

Necessitando de apenas mais uma vitória para avançar a final da NBA e se sagrar campeão da Conferência Oeste depois de 40 anos, o Golden State Warriors teve seu sonho adiado nesta segunda-feira pelo Houston Rockets. Em jogo disputado em solo texano, no Toyota Center, o time da casa bateu os californianos pelo placar de 128 a 115, alcançando seu primeiro triunfo na série melhor de sete partidas, deixando a chave em 3 a 1 a favor do elenco de Oakland.

Mas a partida não teve apenas jogadas espetaculares. O lance que assustou os espectadores e ofuscou a partida aconteceu no segundo quarto. MVP da temporada, Stephen Curry disputou bola com Trevor Ariza, mas acabou pulando demais e caiu por cima do adversário. O atleta do Golden State teve uma queda assustadora, batendo a nuca no chão e dando a sorte de não quebrar o braço direito (veja o vídeo da jogada aqui)

Stephen Curry saltou por cima de Trevor Ariza e se estabacou no chão de mal jeito
Stephen Curry saltou por cima de Trevor Ariza e se estabacou no chão de mal jeito
Foto: Ronald Martinez / Getty Images

O jogador ficou cerca de três minutos caído, sem se mexer, até que deixasse a quadra rumo aos vestiários. Lá, fez testes de concussão para ver se poderia retornar ao confronto. A volta só ocorreu na metade do terceiro quarto, e de maneira preocupante. Isto porque Curry se mostrou abalado, errando até o aro em seu primeiro arremesso e tomando dois tocos nos chutes seguintes. A boa notícia para o Golden State é que ele se recuperou no último período e acertou algumas bolas de três. Será que o MVP estará 100% para o restante da série?

Curry caiu sobre o braço direito e de nuca no chão. Quase se lesionou gravemente
Curry caiu sobre o braço direito e de nuca no chão. Quase se lesionou gravemente
Foto: David J. Phillip / AP

"Esta foi a pior queda da minha carreira, porque fiquei no ar por um longo tempo", disse Curry. "E não saber como você vai bater no chão, sabendo que isso vai acontecer, é duro. Mas o bom é que foi tudo menos grave do que parecia. Vou descansar e estar pronto para jogar de novo”, acrescentou o armador.

Trevor Ariza se isentou de culpa pelo ocorrido. "Eu não tinha certeza de quem era, estava apenas tentando escapar da falta", disse. "Eu não sabia que ele havia caído ou outra coisa. O caso é que não foi intencional ou qualquer coisa assim. Estava apenas tentando jogar basquete", acrescentou, exaltando a valentia de Curry em voltar para o jogo. "Foi uma situação assustadora. Ambos os jogadores estavam apenas tentando jogar duro e fazer jogadas para suas equipes, mas, infelizmente, às vezes você se machuca. Mas ele (Curry) é um garoto durão e voltou para jogar com seu time", decretou.

Curry ficou meio "grogue" após a queda assustadora que sofreu no 2º quarto
Curry ficou meio "grogue" após a queda assustadora que sofreu no 2º quarto
Foto: Ronald Martinez / Getty Images

O maior destaque da partida (excetuando a queda de Curry), foi o número de bolas de três acertadas no duelo. No total, foram 37 cestas do perímetro em 48 minutos - maior número da história dos playoffs da NBA. O time da casa converteu 20 arremessos, enquanto os visitantes foram certeiros em 17 oportunidades.

O grande responsável pela vitória do Houston Rockets foi James Harden, cestinha do duelo, com 45 pontos. Também pela equipe do Texas, Dwight Howard foi um dos destaques, alcançando um duplo-duplo (14 pontos e 12 rebotes). No Golden State Warriors, Klay Thompson, Stephen Curry e Draymond Green se destaram com 24, 23 e 21 pontos, respectivamente. Membro do elenco californiano, o brasileiro Leandrinho Barbosa teve um bom desempenho, com 12 pontos.

Mesmo perdendo, o Golden State segue liderando a série com folga (3 a 1), precisando de mais uma vitória para avançar à decisão da NBA. A vaga dos californianos na final pode ser confirmada na quarta-feira, quando as equipes duelam na Oracle Arena, em Oakland, casa dos Warriors.

Harden fez 45 pontos no jogo com maior número de bolas de 3 da história dos Playoffs
Harden fez 45 pontos no jogo com maior número de bolas de 3 da história dos Playoffs
Foto: AP
Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade