3 eventos ao vivo

Renault cogita continuar com Palmer para a temporada 2018

11 ago 2017
14h42
  • separator
  • comentários

A temporada não está sendo nada fácil para Jolyon Palmer. Após 11 corridas da temporada de 2017 da Fórmula 1, o piloto da Renault não conquistou nenhum ponto e seu melhor resultado foi um 11º lugar. O contrato do britânico com a escuderia acaba esse ano, porém, o diretor Cyril Abiteboul acredita que está nas mãos de Palmer ficar mais um ano com o time.

Após os bons testes de Robert Kubica, especulações sobre o polonês defender a Renault no próximo ano começaram a surgir. Contudo, Abiteboul, em entrevista ao Autosport.com , disse que acredita que Palmer tenha condições de crescer de rendimento na atual temporada e continuar por mais um ano com a equipe.

"Se ele conseguir dar a volta por cima na situação, como fez no ano passado, estamos abertos a um futuro entre o time e Jolyon por mais uma temporada. Estabilidade será boa. É isso que queríamos no ano passado: ter Nico e não mudar mais os dois pilotos. As coisas podem estar favoráveis a ele (Palmer), mas está tudo em suas mãos. Ele sabe que tem um ano de contrato e entende que o time está considerando opções para o futuro", disse.

Em 2017, o companheiro de Palmer na Renault, o alemão Nico Hulkenberg, já conquistou 26 pontos e está na décima colocação no Mundial. Mesmo assim, Abiteboul destacou o potencial de Jolyon e revelou que a falta de confiança do britânico prejudicou seu desempenho.

"Já vimos coisas boas nele, durante os testes e a temporada. Ele é capaz de extrair um ritmo bom do carro, fazendo um bom trabalho, fornecendo um feedback preciso e sendo muito comprometido com o time. Ao mesmo tempo, houve uma mistura de erros e de oportunidades perdidas. Com isso, ele perdeu a confiança nele mesmo e isso virou uma bola de neve, levando à situação que temos agora", finalizou.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade