0

Ecclestone apoia chegada de Felipe Nasr à Fórmula 1

5 ago 2013
10h22
atualizado às 15h22
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Atualmente representado por Felipe Massa, o Brasil pode ter outro piloto na Fórmula 1 a partir da próxima temporada. O maior candidato a uma vaga no grid da principal categoria do automobilismo mundial é Felipe Nasr, de 20 anos, que recebeu elogios de Bernie Ecclestone, chefão da F1.

<p>Felipe Nasr corre na GP2</p>
Felipe Nasr corre na GP2
Foto: Paolo Pellegrini / Divulgação

"Eu estou aqui. Se ele precisar de algum conselho, basta me procurar. Eu preciso de um piloto brasileiro. Eu falei com alguns times e as pessoas estão realmente impressionadas com a forma como ele cresceu nos últimos anos", afirmou Bernie à TV Globo.

O interesse do chefão da categoria aumenta conforme a situação de Massa na Ferrari segue indefinida. Com contrato até o final de 2013, o piloto não tem nenhuma garantia de que terá um novo acordo para os próximos anos. Para Ecclestone, a presença de um brasileiro é muito importante já que o País tem o maior número de espectadores.

Atualmente, Nasr é o vice-líder da GP2. Mesmo sem vitórias, ele tem 129 pontos e está na cola do líder Stefano Coletti, que soma 135. Além da campanha consistente neste ano, ele já foi campeão da F-BMW Europeia em 2009 e da F3 britânica em 2011. Chamando a atenção de dirigentes, o piloto sabe que precisa de mais apoio para conseguir um lugar na F1.

"O sonho de chegar ao topo do automobilismo mundial está perto, mas não é fácil. Depende de bons resultados e também do apoio financeiro", disse Nasr.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade