PUBLICIDADE

Estrela do atletismo queniano é encontrada morta em casa

Segundo comunicado, Agnes Jebet Tirop "foi achada morta em sua casa em Iten depois de ter sido, supostamente, esfaqueada por seu marido"

13 out 2021 12h26
| atualizado às 12h49
ver comentários
Publicidade
Agnes Jebet Tirop
Agnes Jebet Tirop
Foto: Ibraheem Al Omari/Reuters

A Federação de Atletismo do Quênia noticiou, nesta quarta-feira (13), a morte de Agnes Jebet Tirop. A ex-velocista de 25 anos foi encontrada morta em sua casa na cidade de Iten.

De acordo com o comunicado, "Tirop foi achada morta em sua casa em Iten depois de ter sido, supostamente, esfaqueada por seu marido." A entidade também afirmou que ainda está "trabalhando para descobrir mais detalhes sobre sua morte."

Tirop começou a se destacar a nível global em 2014, quando foi vice-campeã mundial júnior na Polônia. Com tempo de 17m51m, ela terminou na segunda posição da corrida de 6km.

"O Quênia perdeu uma joia, que era uma das gigantes do atletismo em ascensão no cenário internacional, graças a suas ótimas performances. No mês passado, ela quebrou o recorde feminino dos 10km na corrida Road to Records, na Alemanha, com tempo de 30m01", diz o texto.

Tirop foi medalhista de bronze nos 10.000m de 2017 e 2019. Já na última semana, a ex-atleta terminou na segunda colocação da meia-maratona em Valencia. Ela registrou tempo de 32m20.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade