0

Ouro fecha em alta após Fed reiterar paciência com alta de juros nos EUA

31 jan 2019
17h01
  • separator
  • comentários

O contrato futuro de ouro encerrou o pregão desta quinta-feira, 31, em alta, ainda em uma reação positiva à reunião de política monetária do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano), que indicou uma pausa no aumento das taxas de juros ao menos por enquanto.

Na Comex, divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex), o ouro para entrega em abril fechou em alta de 0,74%, para US$ 1.325,20 por onça-troy.

Embora a cautela do Fed tenha impulsionado, também, as ações e outros ativos considerados arriscados, o que potencialmente reduz a demanda pelo metal precioso, alguns analistas ainda acreditam que a volatilidade do mercado levará a uma demanda firme pelo ouro.

Os preços subiram desde o quarto trimestre, quando as ações caíram em meio a temores de desacelerar o crescimento global e as tensões comerciais. Os preços do ouro "apenas se beneficiaram da demanda por refúgio seguro em dezembro, e, depois de uma pequena pausa em janeiro, agora voltam a crescer, enquanto as pessoas olham para a incerteza no cenário mais amplo", disse o analista Geordie Wilkes, da Sucden Financial.

Além de sinalizar uma pausa no aumento dos juros, o Fed enfatizou a flexibilidade com seu programa de enxugamento do balanço, outro desenvolvimento positivo para investidores que estavam ansiosos quanto às condições financeiras mais apertadas.

Ainda assim, alguns analistas alertam que um revés nas tensões comerciais sino-americanas poderia levar os investidores de volta a procurar o dólar, prejudicando os preços do metal precioso.

A confiança renovada na economia americana e uma contínua recuperação do mercado de ações também poderiam reduzir os preços no futuro. Fonte: Dow Jones Newswires.

Estadão
  • separator
  • comentários
publicidade