1 evento ao vivo

Entenda como é calculada a Paridade de Poder de Compra

25 nov 2013
07h36
  • separator
  • 0
  • comentários

Em comparações internacionais, economistas geralmente utilizam a conversão da moeda de cada país em dólar norte-americano. Contudo, a taxa de câmbio do dólar nem sempre reflete o poder de compra em cada um dos países. A Paridade de Poder de Compra (PPC) gera estimativas de preços de produtos nos países e compara com os mesmos produtos em dólar, nos Estados Unidos - que é a referência.

O custo de vida em diferentes países varia. Os preços do mesmo produto, a valorização do salário em comparações difere por fatores como a inflação interna, preços de importação ou produção e diferentes impostos. Por isso, a PPC é útil para compreender o real valor das moedas na prática, pois compara produtos comuns no valor das moedas locais.

Para comparar duas ou mais economias, são escolhidos alguns produtos que formariam uma “cesta internacional”. Para cada país, o preço desta cesta em moeda local é comparado ao preço da mesma cesta em dólares americanos nos Estados Unidos, país utilizado como referência.

Contudo, justamente por essa estimativa de preços, muitos pesquisadores hesitam ao utilizar a PPC como referência, pois os produtos não flutuam em nível uniforme. Além disso, os padrões de compra e os bens disponíveis são diferentes de um país para outro, portanto, muitos acreditam que uma cesta constante de bens não pode ser utilizada para comparar preços em diferentes países.

A partir das comparações possíveis na PPC, são gerados alguns índices para entender economias. É o caso do Índice Big Mac e do índice iPod, ou outros que comparam os salários ao redor do mundo. Também é possível utilizar a PPC para comparar regiões ou cidades num mesmo país.

O PIB pela PPC
O Produto Interno Bruto (PIB), usado para calcular a relevância da atividade econômica de um país e que considera a soma dos bens e serviços, muda bastante quando é calculado por meio da PPC, alternativa para comparar as economias considerando os custos de vida.

O Fundo Monetário Internacional (FMI) divulga uma lista dos países com maiores PIBs per capta calculados pela PPC. Ao comparar com a lista dos PIBs per capta nominal é possível perceber a variação. Por exemplo, o PIB per capta de Luxemburgo, país em primeiro lugar, é de US$ 106.406. Quando calculado pela PPC, o valor muda para 77.958 dólares internacionais - unidade hipotética que corresponde ao poder de compra do dólar norte-americano nos Estados Unidos.

O Índice Big Mac
Criado pela revista The Economist, o Índice Big Mac é uma pesquisa comparativa semestral que considera o sanduíche como uma cesta padronizada de bens produzidos localmente, já que, no mundo todo, esse alimento utiliza basicamente hambúrguer, alface, queijo, cebola e pão.

Tendo em vista que o sanduíche é pouco comercializado entre países, o produto seria padronizado ao redor do mundo, então seu custo de produção deveria ser o mesmo e, assim, as diferenças de preços seriam dadas por valorização e desvalorização da taxa de câmbio. No último índice, a Noruega apareceu em primeiro lugar com maior sobrevalorização do sanduíche, com 64,7%, seguido pela Venezuela e a Suíça. O Brasil está em 5º lugar, com 16%.

Cartola - Agência de Conteúdo - Especial para o Terra Cartola - Agência de Conteúdo - Especial para o Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade