PUBLICIDADE

Empresas apostam no inglês pra qualificação dos funcionários

Edtech tem ajudado empresas a qualificarem suas equipes com o inglês focado nas necessidades profissionais.

22 jan 2022 06h30
ver comentários
Publicidade
Rafael Iapequino, Head de Marketing e Country Manager da Slang no Brasil
Rafael Iapequino, Head de Marketing e Country Manager da Slang no Brasil
Foto: Slang / Divulgação

A Slang, plataforma online para aprendizado de inglês profissional, continua surpreendendo. Desde que chegou ao Brasil no começo de 2021, conquistou importantes clientes em diversas áreas de atuação. Com uma metodologia guiada por dados e uma proposta de combater o “analfabetismo profissional”, a edtech tem ajudado empresas de diferentes segmentos a qualificarem suas equipes com o inglês focado nas necessidades profissionais específicas de cada colaborador.

Esse é o caso da provedora de soluções integradas de gestão corporativa Sankhya e da plataforma de contratações GeekHunter: elas apostaram no modelo de ensino como parte da política de benefícios focada no desenvolvimento e capacitação dos funcionários.

Segundo uma pesquisa feita pelas empresas especializadas em tecnologia e recursos humanos HR Dive e SAS, 88% dos entrevistados disseram que os planos de desenvolvimento dos colaboradores devem ser ajustados às lacunas de competências que as organizações agora enfrentam como resultado da pandemia. O estudo ainda destaca que certas capacidades ou “hard skills” serão as mais necessárias.

Desde julho de 2021, a GeekHunter conta com a ajuda da Slang e, segundo Karina Matheus, Coordenadora de People, a maior vantagem da plataforma é a adaptabilidade. 

“Quando definimos que queríamos um benefício de inglês, tínhamos alguns critérios: ser fácil de encaixar em qualquer rotina, ensino de qualidade, disponibilidade de estudar a qualquer hora e que ajudasse os geeks a aprenderem inglês técnicos de suas áreas. Com a Slang, nós cumprimos todos esses objetivos. Separamos cursos técnicos e cursos de inglês geral para todos. O geek pode escolher por onde quer começar”, explica.

Com 57 colaboradores ativos na plataforma, a Sankhya fechou a parceria com a Slang em março. Segundo a empresa, a forma como a edtech personaliza o atendimento e customiza os cursos garante uma experiência ainda mais completa para o time. 

“Temos encontros mensais com o time Slang para pensarmos em como engajar os colaboradores e proporcionar um aprendizado mais eficiente. Além disso, tenho um suporte bem individualizado, fazendo com que os colaboradores se sintam apoiados e abertos para trazerem feedback. Por fim, fazemos várias gamificações  para impulsionar o uso da plataforma e atingirmos o nosso grande objetivo que é desenvolver os nossos talentos.”, explica Pamella Flor, Assistente de RH e responsável pelo projeto dentro da empresa.

Metodologia humanizada

Para Rafael Iapequino, Head de Marketing e Country Manager da Slang no Brasil, tanto a GeekHunter quanto a Sankhya viram na metodologia e na aplicação dos cursos personalizados uma forma de impulsionar o ensino de inglês entre os colaboradores de uma maneira bastante efetiva, tornando-se parte fundamental para os RHs no desenho dos planos de desenvolvimento para cada equipe.

“A plataforma nos permite criar cursos novos e específicos em até uma semana, por isso vemos um grande mercado aqui no Brasil, já que mesmo as escolas de inglês tradicionais não oferecem o conteúdo específico de cada área de atuação, como por exemplo inglês para engenharia, medicina ou aviação. Além disso, atualizamos recentemente nossos testes de proficiência que auxiliam RHs na hora da contratação ou elevação de um cargo”, afirma Iapequino.

A Slang contempla mais de 130 cursos de inglês e com seu Sistema de Gestão de Aprendizagem permite um acompanhamento constante do progresso dos usuários por seus gestores, auxiliando esses também na definição de metas reais para todos os seus times. 

Hoje a empresa atende clientes como Santander, Nestlé e Boston Scientific na América Latina. E no Brasil também tem conquistado espaço com clientes como o Grupo Raccoon, Conductor e Quero Delivery.

“Além de nosso time de conteúdo ser todo formado por pessoas das áreas em que determinado curso foi montado, estamos sempre mapeando expressões novas para que o aluno aprenda com aquilo que já está vivenciando, mesmo que ele ainda esteja em um nível inicial. Nossos cursos de inglês não são engessados no ‘the book is on the table’, ele vai além, alcança suas necessidades profissionais”, explica.

(*) HOMEWORK inspira profissionais e empreendedores a trabalhar de um jeito mais inteligente, saudável, transformador. Nosso conteúdo impacta mais de 1 milhão de usuários únicos, todo mês. É publicado no Terra e compartilhado via redes sociais, WhatsApp e newsletter. Entre pra comunidade HOMEWORK!

Homework Homework
Publicidade
Publicidade