PUBLICIDADE

"Sou uma mulher com corpão", diz Ellen Rocche sobre papéis sensuais

22 jan 2014 11h52
ver comentários
Publicidade
Ellen Rocche está no ar no humorístico 'Divertics'
Ellen Rocche está no ar no humorístico 'Divertics'
Foto: JORGE RODRIGUES JORGE/CARTA Z NOTÍCIAS / TV Press

A fala decidida de Ellen Rocche evidencia sua personalidade forte e desinibida. Dona de curvas voluptuosas, a integrante do elenco do humorístico Divertics se mostra bem-resolvida com as questões que permeiam sua boa forma. Muitas vezes escalada para papéis sensuais e com apelo corporal, a atriz afirma não se preocupar com o rótulo de "boazuda" ao qual é vinculada. "Sou uma mulher com corpão. É difícil esconder isso na TV. No entanto, isso não me afeta. Se eu puder sempre mostrar meu trabalho e talento, está ótimo", admitiu ela, que chegou a se censurar no início da carreira pelas formas mais avantajadas. "Isso já passou. A gente tem de se amar do jeito que é", completou.

Convidada para integrar o elenco do programa pelo diretor Jorge Fernando ainda no final das gravações de Sangue Bom, Ellen logo se encantou com a possibilidade de interpretar diversos personagens durante as esquetes de humor. Ao longo dos programas, a atriz dá vida a tipos como a clássica mulher gostosa, passando por uma mendiga e até uma senhora de idade. "A caracterização é muito importante. Aqui, tenho a chance de viver vários papéis diferentes. Não vou ser só a bonitona. Aliás, é o que sou menos", explicou e disse que se desapegou de vaidades para encarnar as propostas de Jorge Fernando. "Não tenho pudores. Levo torta na cara, fico feia e apareço sem maquiagem", ressaltou Ellen, que fez uma série de leituras com o elenco e se preparou com uma coach para as esquetes do programa.

O formato que mescla plateia e câmaras foi um empecilho no primeiro momento para a atriz. Com poucas experiências no teatro, Ellen precisou se adaptar ao novo tempo e descobrir como lidar com o público e as técnicas de televisão ao mesmo tempo. Além disso, o universo circense que permeia a produção exigiu mais agilidade sua em cena. "É um formato muito diferente. Temos de aprender a trabalhar com as reações do público na hora. De repente, eles dão uma gargalhada que você não espera. Ficamos muito expostos", ressaltou.

Aos 34 anos, o sonho de se formar em Medicina está ficando cada vez mais distante na carreira de Ellen. Ao longo de sua trajetória, ela vem se dedicando à profissão de atriz com mais afinco, colecionando trabalhos em produções como SOS Emergência, O Astro e a última trama das 19h escrita por Maria Adelaide Amaral e Vincent Villari. "Vi que ser atriz era a forma de colocar meu talento em prática sem necessitar apelar para a minha beleza sempre. Busquei uma profissão que me realizou. Hoje, quero estudar cada vez mais e fazer papéis diferentes", apontou ela, que começou sua trajetória como modelo após desistir de cursar Medicina na Universidade de São Paulo, a USP, para ajudar nas despesas de casa. "Precisava de dinheiro rápido naquela época. Foi uma fuga. Nunca tive a intenção de ser famosa. Isso nunca me deslumbrou. Não entrei nesse meio por vaidade, mas por necessidade", lembrou.

A comédia tem sido a principal área de atuação de Ellen ao longo dos anos. Apesar de se sentir confortável no gênero, a atriz reconhece que deseja se aprofundar em novos papéis no futuro e não tem preferências na televisão. "Quero trabalhos que me exijam como profissional. Ainda quero muito fazer uma vilã, por exemplo", contou ela, que admitiu que não se vê mais como médica. "Hoje, meu amadurecimento profissional é outro. Eu amo estudar e sou muito curiosa. Mas não há mais espaço na minha vida para Medicina", concluiu.

Divertics – Globo – Domingo, às 15h45

<a data-cke-saved-href="http://www.terra.com.br/diversao/tv/infograficos/atrizes-mais-bonitas-da-tv/iframe.htm" href="http://www.terra.com.br/diversao/tv/infograficos/atrizes-mais-bonitas-da-tv/iframe.htm">veja o infográfico</a>
Fonte: TV Press
Publicidade
Publicidade