1 evento ao vivo

Sem votantes negros, Globo de Ouro premia alguns pretos

Segundo evento mais badalado de Hollywood recebe pressão para adotar diversidade assim como ocorreu com o Oscar

1 mar 2021
10h20
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Anos atrás, ao ser atingida pelo impacto da hashtag #OscarSoWhite (Oscar tão branco), em protesto contra o baixo — e, em alguns anos, inexistente — número de negros indicados, a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas agiu rápido para melhorar sua imagem. Convidou dezenas de profissionais negros e miscigenados para fazer parte de seu grupo de votantes. A mesma atitude será tomada, agora, pela Associação de Imprensa Estrangeira que promove o Globo de Ouro.

Daniel Kaluuya, Chadwick Boseman, Andra Day e Joe Gardner, protagonista de ‘Soul’: vencedores negros em um prêmio acusado de privilegiar a branquitude
Daniel Kaluuya, Chadwick Boseman, Andra Day e Joe Gardner, protagonista de ‘Soul’: vencedores negros em um prêmio acusado de privilegiar a branquitude
Foto: Sala de TV

Entre os quase 100 membros com direito a voto não há nenhum negro. Ao invés de tentar buscar a diversidade antes, a elite dos correspondentes esperou ser atingida por um escândalo para só então agir. Dias atrás, foi acusada de se deixar influenciar por presentes caros na hora de definir os indicados. Junto a isso, no rastro dos movimentos antirracistas, surgiu a contestação sobre a falta de representatividade racial.

No domingo (28), em edição adaptada à pandemia, o Globo de Ouro deu prêmios importantes a alguns negros. Chadwick ‘Pantera Negra’ Boseman ganhou postumamente como Melhor Ator em Filme de Drama por ‘A Voz Suprema do Blues’, disponível na Netflix. Um resultado esperado que deve se repetir na categoria de Melhor Coadjuvante do Oscar, em abril.

A melhor atriz em filme de drama foi Andra Day, por ‘Estados Unidos vs. Billy Holiday’. Houve surpresa geral. O favoritismo estava com Frances McDormand por ‘Nomadland’. Daniel Kaluuya venceu como Melhor Coadjuvante em Filme por ‘Judas e o Messias Negro’. Protagonizado por um personagem negro, ‘Soul’ ganhou como Melhor Filme de Animação.

O branco Sacha Baron Cohen, eleito Melhor Ator em Filme de Comédia ou Musical por ‘Borat: Fita de Cinema Seguinte’ (filme vencedor do mesmo gênero), cutucou os organizadores do Globo de Ouro em um de seus discursos. “Obrigado à toda branca Associação de Imprensa Estrangeira”, disse, sarcástico.

Veja também:

Saiba tudo sobre os 14 participantes do 'BBB21'
Sala de TV Blog Sala de TV - Todo o conteúdo (textos, ilustrações, áudios, fotos, gráficos, arquivos etc.) deste blog é de responsabilidade do blogueiro que o assina. A responsabilidade por todos os conteúdos aqui publicados, bem como pela obtenção de todas as autorizações e licenças necessárias, é exclusiva do blogueiro. Qualquer dúvida ou reclamação, favor contatá-lo diretamente no e-mail beniciojeff@gmail.com.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade