0

Novela trouxe 1,2 milhão de pessoas de volta à Globo em SP

Novela de Maria da Paz reabilitou a faixa das 21h após fracasso de 'O Sétimo Guardião' sem ainda atingir recordes recentes

24 out 2019
14h01
atualizado às 14h01
  • separator
  • 0
  • comentários

A quatro semanas do fim, 'A Dona do Pedaço' registra média de 35 pontos. O folhetim criado por Walcyr Carrasco conseguiu aumentar em 20% a audiência no principal horário de teledramaturgia da Globo.

Maria da Paz (Juliana Paes), protagonista de 'A Dona do Pedaço': trama popular encerrou crise de audiência da Globo
Maria da Paz (Juliana Paes), protagonista de 'A Dona do Pedaço': trama popular encerrou crise de audiência da Globo
Foto: Raquel Cunha/TV Globo / Divulgação

A trama anterior, 'O Sétimo Guardião', de Aguinaldo Silva, foi rejeitada por boa parte do público e terminou com 29 pontos no ranking da Kantar Ibope.

Popular e despretensiosa, 'A Dona do Pedaço' está entre os melhores resultados da década às 9 da noite, mas ainda não alcançou os recordes desse período.

'Avenida Brasil', de João Emanuel Carneiro, exibida em 2012 e reprisada atualmente no 'Vale a Pena Ver de Novo', e 'Fina Estampa' (agosto de 2011 a março de 2012), de Aguinaldo Silva, continuam a ser as novelas mais vistas, com 39 pontos.

Em seguida, 'O Outro Lado do Paraíso' (2017-2018), também de Carrasco, com 38. Dele, outro sucesso: 'Amor à Vida' (2013-2014), 36 pontos – o mesmo índice de 'A Força do Querer' (2017), de Gloria Perez.

Ainda que as novelas atuais não repitam fenômenos da década passada, como 'Senhora do Destino', de Aguinaldo Silva (50 pontos de média final em 2004-2005), são produções ainda muito consumidas na maioria das casas brasileiras.

Para a Globo, continuam a ser um produto lucrativo. 'Avenida Brasil', por exemplo, rendeu cerca de R$ 2 bilhões em publicidade nos intervalos e com as ações de merchandising inseridas no roteiro.

Para se adequar aos novos tempos e hábitos dos telespectadores, a novela precisa passar por transformações. Encurtar a duração é uma das possibilidades já testadas.

Aos 68 anos (a primeira telenovela no País foi 'Sua Vida Me Pertence', na TV Tupi), o gênero folhetinesco no Brasil ainda terá vida longa.
 

Sala de TV Blog Sala de TV - Todo o conteúdo (textos, ilustrações, áudios, fotos, gráficos, arquivos etc.) deste blog é de responsabilidade do blogueiro que o assina. A responsabilidade por todos os conteúdos aqui publicados, bem como pela obtenção de todas as autorizações e licenças necessárias, é exclusiva do blogueiro. Qualquer dúvida ou reclamação, favor contatá-lo diretamente no e-mail beniciojeff@gmail.com.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade