0

Cobertura da morte de Gugu impulsiona revistas de famosos

Edições dedicadas ao apresentador fazem o público voltar a prestar atenção nas publicações de bancas

6 dez 2019
10h50
  • separator
  • 0
  • comentários

O mercado de revistas sobre celebridades está em crise há alguns anos. Queda vertiginosa nas vendas, assinaturas e no faturamento. Publicações que antes vendiam 400 mil exemplares por semana hoje têm tiragem abaixo de 100 mil.

Publicações tentaram atrair mais leitores com homenagens ao apresentador
Publicações tentaram atrair mais leitores com homenagens ao apresentador
Foto: Fotomontagem: Blog Sala de TV

O título mais antigo e tradicional, a Contigo!, passou a existir apenas na versão digital. A publicação mais prestigiada, a Caras, reduziu o número de páginas e a frequência de eventos em castelos e ilhas.

As redes sociais – especialmente o Instagram – tiraram boa parte do interesse nas revistas. Os próprios artistas abrem a intimidade ao público nos posts. Não raro, uma superexposição constrangedora. Sobra pouco a revelar aos leitores.

Há outro problema: o jornalismo cor de rosa praticado pela maioria desses produtos editoriais. Não buscam furos de reportagem ou notícias relevantes. Mostram apenas o lado glamouroso (e, muitas vezes, artificial) da vida dos artistas.

A morte de Gugu Liberato deu novo fôlego às publicações. Várias delas colocaram o apresentador na capa. A Contigo! ressurgiu nas bancas com uma edição especial.

Mas o interesse suscitado por esse episódio triste tem duração curta. Na semana que vem, as revistas sobre celebridades voltarão a encarar o árduo desafio de fazer as pessoas tirarem os olhos do celular para observar o que há nas bancas. Um hábito cada vez mais incomum.

 

Sala de TV Blog Sala de TV - Todo o conteúdo (textos, ilustrações, áudios, fotos, gráficos, arquivos etc.) deste blog é de responsabilidade do blogueiro que o assina. A responsabilidade por todos os conteúdos aqui publicados, bem como pela obtenção de todas as autorizações e licenças necessárias, é exclusiva do blogueiro. Qualquer dúvida ou reclamação, favor contatá-lo diretamente no e-mail beniciojeff@gmail.com.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade