PUBLICIDADE

Eliana estreia na Netflix com o reality 'Ideias à Venda'

Reality show estreia nesta quarta-feira, 9, e contará com seis episódios

9 fev 2022 05h10
| atualizado às 08h52
ver comentários
Publicidade
Eliana na estreia do reality 'Ideias à Venda'
Eliana na estreia do reality 'Ideias à Venda'
Foto: DIVULGAÇÃO/VANS BUMBEERS/NETFLIX

Rumo a se tornar uma cinquentinha, em novembro próximo, a apresentadora Eliana tem muito a comemorar além do próprio aniversário. À frente de seu programa no SBT há 13 anos, o que já é um feito, pois é a única mulher a comandar uma atração nesse formato de auditório aos domingos, ela estreia nesta quarta, 9, na Netflix, o reality 'Ideias à Venda'. Mas o lado apresentadora da mãe do Arthur e da Manuela é somente uma de suas várias facetas, seja na música, cinema, TV ou como empresária.

Sua nova aposta, agora no streaming, 'Ideias à Venda' terá a cada um dos seis episódios quatro empreendedores, que vão apresentar suas ideias, suas criações, para o júri, que tem a empresária e ativista Luana Génot como jurada fixa. Para completar o time semanal, a bancada julgadora contará com nomes como Camila Coutinho, Luisa Mell, Leo Picon, Mariana Rios, Enzo Celulari e Carole Crema, em participações especiais.

"Fui convidada pela Floresta Produções e pela Netflix para apresentar esse projeto, que fala sobre um tema que amo, que é o empreendedorismo", explica Eliana em entrevista ao Estadão. "Eu sou a minha própria empresária há muitos anos, mas não é só por isso que esse universo dos negócios me atrai", observa. "Falar de empreendedorismo é falar sobre os sonhos das pessoas e acredito que esse tenha sido um fator importante para eu ter topado esse projeto, porque sou muito atraída por projetos que podem mudar vidas."

"Um programa que te prende pelo coração" é como Eliana define o 'Ideias à Venda', pois, segundo ela afirma, rolam muitos instantes de pura emoção. "Chorei em alguns momentos do programa, em outros ri e me diverti bastante também."

Apesar de sua longa experiência nos palcos, Eliana afirma que não chegou com uma ideia fechada sobre como apresentar o 'Ideias à Venda'. "Cheguei pronta para aprender e me adaptar, assim o projeto foi fluindo", conta a apresentadora, que revela que o programa oferecia os serviços de um consultor de empreendedorismo com a função de ajudar os participantes. Disposta sempre a aprender, Eliana diz que quis muito falar com esse profissional para entender melhor algumas questões e aprender mais. "Foi uma consultoria muito bacana, que me ajudou a desempenhar melhor o meu papel de mediadora da competição", revela.

Habituada a unir seu nome ao que acredita e que lhe propicia satisfação pessoal e profissional, com essa nova empreitada não foi diferente. E ela deixa claro que a nova atração é com toda certeza um novo desafio em sua carreira de sucesso. "Não só por ser a minha estreia no streaming, mas também porque essa foi a primeira vez em toda a minha carreira que não participei da concepção de um projeto do zero", confessa a apresentadora. "O desafio foi trazer a minha bagagem e adaptá-la a esse novo formato", diz Eliana, para quem a experiência foi desafiadora e divertida ao mesmo tempo.

Entre os produtos oferecidos pelos participantes, a apresentadora aponta alguns que chamaram sua atenção. Ela cita, por exemplo, "o Colibri, que são óculos que permitem que pessoas com deficiências motoras usem computadores e celulares apenas com o piscar dos olhos ou movimentos da cabeça". Outra ideia que a encantou foi a Zkaya, "uma marca que traduz a herança ancestral africana para suas peças de roupa, fazendo um resgate histórico muito enriquecedor".

Eliana afirma que este é um momento de reflexão em sua vida, já que vai fazer 50 anos. "Eu reflito muito sobre o amadurecimento, mas nunca com uma carga negativa. Penso muito na Eliana do passado e nos caminhos que percorri até chegar à mulher que está falando com você agora. Uma mulher livre, totalmente dona de sua própria narrativa e sem medo do novo. Me sinto leve e realizada", diz.

Quanto a ser a única mulher a estar no comando de programa de auditório aos domingos, Eliana garante: "Tenho muito orgulho de ocupar há 16 anos ininterruptos esse hall tão concorrido da TV aberta aos domingos, quebrando esse paradigma, sendo uma mulher nesse espaço tão masculino e mantendo o sucesso artístico". "Outras grandes apresentadoras já passaram por esse mesmo posto, mas nunca por tanto tempo", arremata.

Questionada sobre o que a Eliana de hoje diria para a Eliana do início da carreira, se teria algum conselho, a apresentadora é certeira: "Diria para ela se preparar para ser desacreditada, principalmente por ser uma mulher em uma indústria predominantemente masculina. Mas que tenha em mente que ela pode tudo, mantenha-se focada e dedicada sempre. Os resultados chegarão".

Estadão
Publicidade
Publicidade