PUBLICIDADE

6 filmes para repensar a criminalização do aborto

Caso da menina de 10 anos do Espírito Santo levantou debate sobre saúde pública e os direitos das mulheres ao próprio corpo

20 ago 2020 10h00
| atualizado às 10h16
ver comentários
Publicidade

Após o caso da menina de 10 anos do Espírito Santo, vítima de estupro pelo próprio tio, ganhar o noticiário nacional, o aborto também entrou no centro das discussões. Com autorização da Justiça, a criança foi transferida de São Mateus, no norte do Estado, para o Recife, capital de Pernambuco, para poder interromper a gravidez. Mas o seu caso não é o único.

Segundo dados tabulados no Sistema de Informações Hospitalares do SUS, do Ministério da Saúde, o Brasil registra, em média, ao menos seis abortos por dia em meninas de 10 a 14 anos. O Anuário Brasileiro de Segurança Pública 2019 aponta que quatro meninas de até 13 anos são estupradas a cada hora no país. O Código Penal brasileiro permite a interrupção da gravidez, com a autorização da gestante, em casos de estupro e quando há risco à vida da mulher.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

DISCUSSÃO SOBRE ABORTO 🤰 Após o caso da menina de 10 anos do Espírito Santo, vítima de estupro pelo próprio tio, ganhar o noticiário nacional, o direito ao aborto entrou no centro das discussões. Segundo dados do SUS, o Brasil registra, em média, ao menos seis abortos por dia em meninas de 10 a 14 anos. Já o Anuário Brasileiro de Segurança Pública 2019 aponta que quatro meninas de até 13 anos são estupradas a cada hora no país. O Código Penal brasileiro permite a interrupção da gravidez, com a autorização da gestante, em casos de estupro e quando há risco à vida da mulher. Mais que um embate entre certo e errado e sobre a interrupção da vida, o caso acendeu o alerta para uma importante discussão sobre saúde pública no Brasil. Para ajudar nesta reflexão, a equipe do Terra separou seis filmes que abordam a questão, não só no país, mas em todo o mundo.

Uma publicação compartilhada por SEU MUNDO, SIMPLES (@terrabrasil) em

 

Mais que um embate entre certo e errado e sobre a interrupção da vida, o caso acendeu o alerta para uma importante discussão sobre saúde pública no Brasil. Para ajudar nesta reflexão, a equipe do Terra separou seis filmes que abordam a questão, não só no país, mas em todo o mundo. Confira a seguir:

Mora Arenillas em 'Invisível' (2017)
Mora Arenillas em 'Invisível' (2017)
Foto: IMDB / Reprodução

Invisível (Netflix)
Uma garota de 17 anos descobre que está grávida e precisa decidir se realiza ou não um aborto, em uma sociedade que considera o ato ilegal.

O aborto dos outros (Youtube)
Documentário registra abortos legais e clandestinos realizados em hospitais públicos no Brasil e mostra os efeitos perversos da criminalização.
Assista no link

Vessel (Youtube)
Documentário acompanha o trabalho da ONG Women on Waves, que transporta mulheres, em expedições de barco, a países onde o aborto é legal.
Assista no link

Cena de 'After Tiller'
Cena de 'After Tiller'
Foto: © 2013 - Oscilloscope Pictures

After Tiller (Youtube)
Quatro médicos relatam suas rotinas de trabalho nos Estados Unidos enquanto se tornam o principal alvo de militantes contra o aborto. 
Assista no link

Clandestinas (Youtube)
Documentário mostra um pequeno panorama da situação do aborto no Brasil com relatos verídicos e fictícios de mulheres que interromperam a gravidez. 
Assista no link

Roe x Wade: Direitos das Mulheres nos EUA (Netflix)
Entrevistas com pessoas a favor e contra o direito ao aborto revelam décadas de campanhas políticas para reverter os direitos das mulheres nos EUA.

Veja também:

'Gravidez é um processo puramente feminino; papel dos homens é irrelevante', diz Drauzio Varella sobre aborto:

 

Fonte: Redação Terra
Publicidade
Publicidade