0

Sebastián Piracés-Ugarte reflete sobre o próprio caos no álbum début "Sebastianismos"  

31 jul 2020
09h31
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Sebastián Piracés-Ugarte do Francisco, El Hombre, lançou nesta semana seu álbum de estreia Sebastianismos, onde o artista reflete sobre o próprio caos artístico que habita nele. O disco já está disponível em todas as plataformas digitais.

Foto: Divulgação | Instagram / The Music Journal

Sebastianismos vai do do reggaeton ao punk rock, de músicas românticas e de sensualidade, até alcançar posicionamentos políticos. Este trabalho conta com as participações especiais de Russo Passapusso (BaianaSystem), Malfeitona, Jaloo e Luê.

"Boa parte do processo do disco foi feita em segredo", conta Sebastián, que foi criando tudo em meio às turnês e viagens da banda pela América Latina e enquanto fazia a trilha para um espetáculo da São Paulo Companhia de Dança. "Foi um trabalho terapêutico, de sonhar e de fazer do sonho meta; e encarar os desafios até realizar o que eu queria: me sentir bem comigo mesmo, ser fã de mim mesmo", lembra.

Sebastianismos conta com a produção de Dudu Marote, responsável por trabalhos icônicos do Skank como Calango (1994) e Samba Poconé (1996).

A faixa Ouvidinho conta com a participação da cantora paraense Luê e do baixo de Lelo Zaneti.

Ouça:

Veja também:

Thunderbird: "Piadas inconvenientes não cabem mais hoje"
The Music Journal The Music Journal Brazil
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade