1 evento ao vivo

Palco Brega agita a Virada Cultural no Arouche, em São Paulo

Silvio Brito abriu a programação do palco, seguido por Márcio Greyck

18 mai 2019
21h28
atualizado em 20/5/2019 às 10h12
  • separator
  • 0
  • comentários

A Virada Cultural 2019, a maior já feita até hoje, contou com a presença de um palco no Largo do Arouche dedicado inteiramente ao gênero brega. E, atendendo aos saudosistas de plantão, as duas atrações que iniciaram os trabalhos foram os ícones das décadas de 70 e 80 Silvio Brito e Márcio Greyck.

Palco Brega
Palco Brega
Foto: Guilherme Coura / Terra

O show de Silvio Brito foi recheado de saudosismo, com direito a homenagens a Caetano Veloso ("Alegria, Alegria") e Roberto Carlos (Quero Que Vá Tudo Pro Inferno") e Renato e até mesmo Rolling Stones ("Satisfaction").

O repertório agitou os cerca de 500 presentes em uma verdadeira viagem nostálgica aos anos 60.

O ponto alto da apresentação foi um cover de "Love Of My Life" da banda Queen, que embalou um momento mais intimista com o público, que se juntou em coro ao cantor.

Palco Brega
Palco Brega
Foto: Guilherme Coura / Terra

O show do cantor mineiro Márcio Greyck, que contou inclusive com músicas em italiano, passou por seu repertório clássico da década de 70, em um clima mais romântico que a atração anterior.

Sucessos como "Impossível Acreditar Que Perdi Você" e "O Travesseiro" deram o tom romântico e nostálgico da noite.

Em momentos que rememoram a música romântica e sertaneja, o mineiro de 71 anos mostrou ainda tem energia de sobra para interagir com a platéia, inclusive tendo subido ao Palco Brega com celular em mãos, registrando a recepção da platéia.

Veja também:

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade