0

Gaab encara DVD "Positividade" como "virada de página"

Filho de Rodriguinho falou com o Terra sobre a relação com o pai, que assina a direção musical do trabalho, e os próximos passos na música

27 mai 2019
11h00
atualizado em 29/5/2019 às 16h46
  • separator
  • 0
  • comentários

Ao ouvir falar do cantor Gaab, a primeira referência muitas vezes é "filho de Rodriguinho". O vocalista do grupo Os Travessos teve uma grande trajetória no mundo do pagode e parece natural que o filho mais velho, Gabriel, siga os mesmos passos. No entanto, as trajetórias não são tão parecidas como possam parecer.

Desde o primeiro álbum, gravado em 2016, Gaab tenta impor o próprio estilo em sua música, mas sem esconder a formação musical do pai e do tio, Ah!Mr.Dan. Ele chegou a atuar como backing vocal para o pai e assinou composições gravadas por Thiaguinho. No entanto, em seu projeto solo mais recente, procurou virar a página. "Eu quero realmente mostrar que dá para plantar uma coisa nova, não fazer o que outro cara já fez", explicou.

Gaab falou com o Terra sobre o DVD "Positividade"
Gaab falou com o Terra sobre o DVD "Positividade"
Foto: Júlia Trindade / Terra

Em entrevista ao Terra para falar sobre o lançamento do DVD "Positividade", gravado em Salvador, o cantor afirmou que se espelha no exemplo dos familiares. Os três gravaram o show "Legado", lançado em janeiro, para mostrar um trabalho em família. No entanto, apesar de seguir outro caminho Rodriguinho segue como referência para o filho e assinou a direção musical do projeto mais recente.

"Hoje, eu paro para analisar e vejo que meu pai fez muita inovação. O pagode vinha de um jeito e ele colocou uma batida, uma parada de rap, um cabelo daquele jeito. Ele pode contar pra você que era humilhado, de chegar em um lugar e não aceitarem, mas ele é um gênio inovador", contou.

Positividade

Gaab reuniu cerca de 30 mil fãs na Praça da Cruz Caída, no Centro Histórico de Salvador, para a gravação do novo trabalho. O cantor encara "Positividade" como uma virada de página na carreira, e a escolha da capital baiana foi devido ao carinho dos fãs. "Eu lembro do meu primeiro show em Salvador, a galera cantando inúmeras músicas, e foi um dos primeiros públicos que cantou a música 'Positividade' com muita força."

Recheado de parcerias, o DVD conta com participações de nomes já consagrados da música black brasileira, como Negra Li e o próprio Rodriguinho. No entanto, Gaab abre espaço também para a nova geração da música, com artistas como 1KILO, Junior Lord, Thomaz, MC Davi e MC Hariel. "Eu quis chamar pessoas que sempre foram próximas de mim de alguma forma, em algum momento da minha vida", afirmou.

Gaab falou com o Terra sobre o DVD "Positividade"
Gaab falou com o Terra sobre o DVD "Positividade"
Foto: Júlia Trindade / Terra

Prioridades

Gaab confidencia que ainda não sabe exatamente como vai ser a próxima página de sua carreira. Desde o nascimento da filha Heloísa, em 2017, o cantor de 20 anos de idade aponta um amadurecimento que deve seguir nos próximos projetos. O foco, ele explica, é a honestidade. "O mundo é tão capitalista, a música, que quando eu comecei a fazer meu som, as pessoas criticavam: 'pô, Gaab, esse som não vende'. Mas não é isso que eu quero", disse.

Apesar de não anunciar nenhum plano específico, Gaab revelou que pretende realizar algum trabalho especial no Rio de Janeiro - e o formato ao vivo, para alguém cuja carreira foi formada na era da internet e das batidas eletrônicas, é uma opção diferenciada. "Eu quero gravar vários ao vivos por todo o Brasil, até as músicas inéditas. Eu quero ver se eu sempre faço um registro ao vivo com as pessoas em vários lugares, mas eu tive que começar por Salvador porque é uma cidade que sempre foi muito leal."

O álbum Positividade já está disponível em todas as plataformas digitais. Com 18 faixas, este é o terceiro álbum solo de Gaab - o primeiro, "Melhor Viagem", alcançou 250 milhões de plays em todas as plataformas.

Veja também:

Fonte: Equipe portal
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade