PUBLICIDADE

Com covid-19, Marco Ricca tem "melhora na oxigenação"

Segundo boletim médico de hospital, ator apresentou evolução clínica e está sem febre, mas ainda sem previsão de alta

9 dez 2020 13h30
| atualizado às 13h38
ver comentários
Publicidade
Marco Ricca
Marco Ricca
Foto: Paulo Belote / Globo / Divulgação / Estadão Conteúdo

Marco Ricca, 58, que está internado com covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, apresentou "evolução clínica, com melhora na oxigenação" e "está sem febre", informou nota divulgada pela assessoria do ?hospital nesta quarta-feira, 9.

Mesmo com a evolução, ainda não há previsão de alta para o ator, que teve sua internação divulgada publicamente pela primeira vez na quinta-feira, 8. A informação sobre desde quando ele está no hospital não foi divulgada.

Marco Ricca está previsto para fazer parte do elenco de Um Lugar ao Sol, próxima novela das 9 da Globo, sem data de estreia definida até o momento. "Ele ainda não estava gravando a novela', informou a assessoria da emissora ao Estadão na quinta-feira, 8.

Recentemente, Marieta Severo, que também fará parte de Um Lugar ao Sol, testou positivo para a covid-19 e foi afastada das gravações. Na ocasião, a Globo explicou que "caso alguém teste positivo, a pessoa é afastada do set para preservar a saúde dos outros integrantes da equipe".

Confira a íntegra da nota com a atualização do estado de saúde de Marco Ricca abaixo:

"Rio de Janeiro, 09 de dezembro de 2020 - A Casa de Saúde São José informa que o ator Marco Ricca, diagnosticado com Covid-19, segue internado no CTI do hospital. O paciente apresentou evolução clínica, com melhora na oxigenação, e está sem febre. Ainda não há previsão de alta."

Recentemente, o ator pôde ser visto no filme e na série Hebe, que foi exibida neste ano pela Globo, além da novela Órfãos da Terra, que foi ao ar em 2019.

No último dia 2 de novembro, o nome de Marco voltou ao noticiário após o carro de seu irmão, Giuliano Ricca, desaparecido há seis anos, ter sido encontrado com uma ossada. Um exame de DNA e de arcada dentária foi solicitado para verificar sua identidade.

Estadão
Publicidade
Publicidade