PUBLICIDADE

"A melhor maneira de devolver a voz a ela": Diretora de cinebiografia de Amy Winehouse defende que filme parte da perspectiva da cantora

Back to Black, a cinebiografia da cantora britânica Amy Winehouse, estreia em breve nos cinemas brasileiros.

19 abr 2024 - 22h34
Compartilhar
Exibir comentários

Back to Black, filme biográfico que acompanha a trajetória da cantora Amy Winehouse, estreia em breve nos cinemas brasileiros. Concebido pelas mãos da diretora Sam Taylor-Johnson (Cinquenta Tons de Cinza), o filme vem recebendo críticas mistas da imprensa internacional. Mas em um aspecto específico, a cineasta não dá o braço a torcer e defende a obra. Para ela, Back to Black parte o máximo possível, da perspectiva da artista - e não sobre o que o resto do mundo falava sobre ela.

Foto: Universal Pictures / Adoro Cinema

É o que Sam Taylor-Johnson declarou à Sky News na estreia mundial de Back To Black em Londres: "Essa parecia ser a melhor maneira de devolver a voz a ela". Diretora e roteirista (Matt Greenhalgh) se basearam em diários, músicas e escritos deixados pela artista - que faleceu precocemente aos 27 anos, em 2011. Para assim, ir além da "tragédia" de uma carreira marcada por excessos e superexposição dos tabloides.

Foto: Adoro Cinema

Quem encarna Amy Winehouse na tela, é a atriz britânica Marisa Abela, que também defende a abordagem do longa-metragem: "Seu legado é de autenticidade e plenitude de coração. Ela incorpora seus sentimentos, ela os usa na manga, mas nem todos podem fazer isso como ela" diz.

Em uma curta, porém marcante carreira, Amy Winehouse ganhou cinco prêmios Grammy, incluindo Melhor Artista Revelação, Canção do Ano e Melhor Álbum Pop Vocal. Todos eles, pelo álbum q…

Leia o artigo em AdoroCinema

Brad Pitt está em Bob Marley: One Love? Ator tem papel importante na cinebiografia do icônico músico

Ferrari: Compare os personagens da cinebiografia às pessoas reais - astro brasileiro está no filme

As 5 melhores cinebiografias para quem amou Oppenheimer

Cinebiografia de Amy Winehouse deixa de lado personagem importante da vida da artista e gera polêmica

Adoro Cinema
Compartilhar
Publicidade
Publicidade