PUBLICIDADE

Conheça os detalhes da carruagem que será utilizada na coroação do rei Charles III

Rompendo a tradição, o monarca fará trajeto de ida em uma carruagem moderna

3 mai 2023 - 14h03
Compartilhar
Exibir comentários

No próximo sábado (06), será realizada a cerimônia de coroação do rei Charles III e, entre alguns dos destaques do evento, está o veículo utilizado por ele na celebração. Rompendo a tradição, o soberano, acompanhado da rainha consorte Camilla Parker-Bowles, será transportado à Abadia de Westminster, onde será realizado o evento, em uma carruagem moderna e diferente da convencional.

Carruagem do Jubileu de Diamante é uma das mais modernas e confortáveis
Carruagem do Jubileu de Diamante é uma das mais modernas e confortáveis
Foto: Reprodução digital | Royal UK / Portal EdiCase

Ao contrário da antiga monarca, a falecida rainha Elizabeth II, que, em 1953, utilizou a tradicional Carruagem de Ouro do Estado, o rei optou pela carruagem usada no Jubileu de Diamante da rainha, vista pela primeira vez em 2012 e conhecida por seu conforto.

Carruagem do Jubileu de Diamante

Apesar de parecer tradicional, tal carruagem possui diversas vantagens que tornarão o trajeto do rei na procissão melhor. Isso porque, mesmo com um designer simples, o veículo conta com ar-condicionado, vidros elétricos e até sistema de suspensão hidráulica, que garante uma direção mais segura e estável.

Além disso, segundo informações do site oficial da família real, a carruagem é feita de metais, pedaços de madeira e outros materiais de navios e edifícios históricos. Eles, por sua vez, têm conexão com a Grã-Bretanha e residências reais, incluindo o Palácio de Buckingham e o Palácio de Kensington, que trazem a sofisticação e a história da família.

Percursos diferentes

Com a carruagem, Charles e Camilla irão percorrer cerca de 2,1 km até a Abadia. Depois, seguirão a mesma rota no percurso de volta, que será contemplado por Saudação Real das Forças Armadas do Reino Unido e da Commonwealth, bem como haverá um desfile do rei e da rainha consorte.

No entanto, quando se compara com o percurso percorrido pela rainha Elizabeth II, Charles irá realizar uma rota mais curta. Isso porque, há 70 anos, a monarca percorreu cerca de 7,2 km entre ida e volta do Palácio de Buckingham à Abadia de Westminster.

Carruagem de Ouro é histórica e bonita, porém antiquada
Carruagem de Ouro é histórica e bonita, porém antiquada
Foto: Reprodução digital | Royal UK / Portal EdiCase

Dificuldades na volta

Apesar do conforto no percurso de ida, o soberano poderá enfrentar alguns momentos de estresse na volta. A histórica e encantadora, porém antiquada, Carruagem de Ouro do Estado não poderia deixar de ser utilizada e será encarregada por trazer o novo rei ao Palácio de Buckingham.

Construída em 1760 e usada pela primeira vez em 1762, a carruagem é utilizada desde 1831 em todas as coroações. Ela é feita de madeira dourada e coberta com folhas de ouro. O interior é forrado e estofado com veludo e cetim, e o exterior é pintado com painéis de deuses e deusas romanas, além de contar com esculturas douradas.

Contudo, mesmo com o seu esplendor, o veículo já foi alvo de várias críticas por parte dos monarcas, incluindo a discreta rainha Elizabeth II, que contou ao documentário "A Coroação", da BBC, que a carruagem era horrível. "Não é muito confortável. Não é feita para passear, de forma alguma", disse ela em entrevista. Daí as reclamações e o possível motivo da escolha do rei.

Portal EdiCase
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade