PUBLICIDADE

Google finalmente lança rival do ChatGPT (mas não no Brasil)

Empresa admite que, apesar de a tecnologia ser "empolgante", não está isenta de falhas

21 mar 2023 - 11h45
Compartilhar
Exibir comentários

Depois de comer muita poeira do ChatGPT e do Bing, o Google finalmente lançou nesta terça-feira (21.mar) o Bard, seu chatbot de inteligência artificial — mas ainda em fase de testes, e só nos EUA e no Reino Unido.

Foto: Núcleo Jornalismo

PARA QUE SERVE? Segundo a empresa, para "aumentar a produtividade, acelerar ideias e alimentar a curiosidade" (tipo o ChatGPT).

É para ser uma experiência complementar à busca do Google (tipo o chat do Bing com a tecnologia do ChatGPT).

É BOM? A empresa admite que, apesar de a tecnologia ser "empolgante", não está isenta de falhas. E lista alguns dos problemas atuais: "Como ele aprende com uma ampla gama de informações que refletem preconceitos e estereótipos do mundo real, estes às vezes aparecem em seus resultados. E ele pode fornecer informações imprecisas, enganosas ou falsas ao apresentá-las com confiança."

Exemplo de uso do Bard, em inglês, em que o usuário pede estratégias para conseguir ler 20 livros neste ano (Divulgação / Google)
Exemplo de uso do Bard, em inglês, em que o usuário pede estratégias para conseguir ler 20 livros neste ano (Divulgação / Google)
Foto: Núcleo Jornalismo

COMO FAZ PARA USAR? Tem que entrar na lista de espera e ser selecionado — de novo, só nos EUA e no Reino Unido. Não que eu esteja recomendando que você faça isso, mas consegui inscrever meu email, mesmo estando no Brasil, usando uma VPN.

"Você foi adicionado à lista de espera! Obrigado por seu interesse no Bard. Vamos te enviar um email quando for a sua vez." (Reprodução / Google Bard)
"Você foi adicionado à lista de espera! Obrigado por seu interesse no Bard. Vamos te enviar um email quando for a sua vez." (Reprodução / Google Bard)
Foto: Núcleo Jornalismo
Núcleo Jornalismo
Compartilhar
Publicidade
Publicidade