Monte seu e-commerce e divulgue sua marca no Terra

Pesquisa Genial/Quaest: Lula tem 46% das intenções de voto; Bolsonaro, 29% e Ciro, 7%

Pesquisa divulgada nesta quarta-feira, 11, mostra que petista ganhou dois pontos em comparação ao levantamento anterior; presidente ficou no mesmo patamar

11 mai 2022 07h44
| atualizado às 07h55
Compartilhar
Lula e Jair Bolsonaro são candidatos competitivos para a eleição presidencial de 2022.
Lula e Jair Bolsonaro são candidatos competitivos para a eleição presidencial de 2022.
Foto: Antonio Cruz e Valter Campanato/Agência-Brasil / Estadão

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) mantém a liderança da corrida presidencial deste ano, com 46% das intenções de voto - dois pontos a mais que um mês atrás -, enquanto o presidente Jair Bolsonaro (PL) segue no mesmo patamar em comparação ao último levantamento, com 29%, mostra pesquisa Genial/Quaest publicada nesta quarta-feira, 11.

No cenário analisado com todos os candidatos, Ciro Gomes (PDT) aparece em terceiro lugar, com 7%. Ele é seguido por João Doria (PSDB) e André Janones com 3%, Simone Tebet (MDB) e Felipe D'Ávila (Novo) com 1% e Luciano Bivar (União Brasil), que não pontuou.

Publicidade
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva segue na liderança com 46% das intenções de voto Foto: Werther Santana/Estadão

No cenário sem Tebet, Janones ou D'Ávila, Lula subiu de 45% para 46% das intenções de voto, e Bolsonaro se manteve em 31%.

No levantamento espontâneo, quando o eleitor não recebe uma lista de candidatos para escolher, Lula aparece com 28% das intenções de voto e Bolsonaro com 22%.

Apesar da queda de desempenho eleitoral, a avaliação negativa do governo Bolsonaro também vem caindo desde fevereiro, quando 51% dos entrevistados desaprovavam sua gestão. Agora, os insatisfeitos são 46% dos eleitores.

Ao mesmo tempo, menos pessoas consideram que o governo vai "pior do que esperava" - 53% em abril e 48% em maio.

Publicidade

A pesquisa Genial/Quaest ouviu 2.000 pessoas com mais de 16 anos entre os dias 5 a 8 de maio e a margem de erro é de dois pontos percentuais. A coleta dos dados foi realizada de modo presencial.

Fique por dentro das principais notícias
Ativar notificações