Tire a ideia do papel e crie hoje o site para o seu negócio com até 35% de desconto

Deputado do PT diz que governo age pelo humor de Bolsonaro

Bohn Gass critica nova reforma ministerial e afirma que o presidente é "descontrolado"

29 jul 2021 11h08
| atualizado às 11h26
Compartilhar

O líder do PT na Câmara, Bohn Gass (RS), criticou a nova reforma ministerial feita pelo presidente Jair Bolsonaro. Segundo o deputado de oposição, além de prejudicar áreas essenciais com as interrupções de cargos, o governo concretiza postura à mercê do "humor descontrolado" do presidente. "29 mudanças no 1º escalão em menos de três anos de mandato", contabilizou o parlamentar. "Este governo, além de genocida e corrupto, é uma balbúrdia que se move pelo humor descontrolado de Bolsonaro", escreveu no Twitter.

Foto: Jornal do Brasil

Para o parlamentar, além dos casos de corrupção que envolvem o governo, as constantes mudanças ministeriais feitas por Bolsonaro aprofundam ainda mais a instabilidade nacional e causam prejuízo à sociedade. "Áreas essenciais como saúde e educação sofreram com interrupção de políticas e prejudicaram muito a população", pontuou.

Publicidade

Na madrugada de quarta-feira (28), o chefe do Executivo oficializou a entrada do senador Ciro Nogueira (PP-PI) na Casa Civil, que concretiza uma maior aproximação do governo com o Centrão, bloco mais fisiológico da política nacional. Para que o senador pudesse ocupar o cargo, o então chefe da pasta, general Luiz Eduardo Ramos, teve que sair, sendo realocado para o cargo de ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência. O titular da Secretaria-Geral, por sua vez, Onyx Lorenzoni, foi nomeado para o Ministério do Trabalho e Previdência, recriado oficialmente ontem dentro dessa nova acomodação política do governo Bolsonaro.

Está gostando da notícia? Fique por dentro das principais notícias
Ativar notificações