Monte seu e-commerce e divulgue sua marca no Terra

Weverton responde ator que o comparou com goleiro Bruno

A resposta do goleiro para Paulo Betti foi mais uma vez pautada em sua religião

29 nov 2021 23h36
| atualizado em 30/11/2021 às 07h28
Compartilhar
Weverton
Foto: Mauro Horita / Gazeta Press

Agora bicampeão da Libertadores pelo Palmeiras, Weverton recebeu dura crítica do ator Paulo Betti por seu discurso em seguida ao título sobre o Flamengo no último sábado. O goleiro, muito religioso, falou sobre sua relação com Deus, que rendeu infeliz comparação pelo ator a Bruno, ex-arqueiro flamenguista preso por assassinar sua namorada. Em entrevista ao Sportv, Weverton falou sobre a polêmica e disse perdoar Betti pelo comentário.

"O discurso do goleiro do Palmeiras depois do jogo, aquela falação sobre Deus quando devia estar comemorando, aquela cena dele rezando antes de começar o jogo, me fez lembrar do goleiro Bruno, que rezava no Maraca e depois ia matar a moça e jogar pros cães. Explica muito o Brasil", escreveu Paulo Betti em suas redes sociais.

Publicidade

A resposta do goleiro foi mais uma vez pautada em sua religião. Apesar de reprovar o comentário, Weverton não se mostrou ressentido.

"Eu tenho mágoa zero. Eu o perdoo por aquilo que ele falou. Acho que ele não deveria fazer aquela comparação, mas amo a pessoa dele, porque acho que é isso que Jesus faria, amar o próximo independente do erro dele. Ele sabe que errou. Se ele estivesse na minha frente hoje, eu diria que não foi nada, faz parte, vamos em frente, porque acho que as pessoas deviam ser assim. A gente erra também, somos seres humanos", respondeu Weverton.

"Acho que tem que haver respeito. Se eu creio, eu não posso dizer que você tem que crer na mesma coisa que eu. Jamais posso forçar as pessoas a pensar a mesma coisa que eu, mas também não posso dar o direito às pessoas de me desrespeitarem por aquilo que eu penso", continuou.

Agora, Weverton foca no final da temporada do Palmeiras. A equipe cumpre tabela no Brasileirão, com três rodadas restando. A prioridade é o Mundial, título que seria inédito na história do clube.

Publicidade
Show Player
Gazeta Esportiva
Fique por dentro das principais notícias de Futebol
Ativar notificações