Diego Ribas e Dorival Júnior falam sobre polêmica que envolveu Gabigol no Flamengo

O centroavante do Flamengo foi flagrado recentemente usando uma camisa do Corinthians durante sua folga e foi punido pelo clube com uma multa e sendo retirado o número 10 de seu uniforme

26 mai 2024 - 16h30
(atualizado às 16h36)
Foto: Esporte News Mundo

Em entrevistas concedidas antes da partida amistosa em solidariedade à tragédia no Rio Grande do Sul, Diego Ribas, Filipe Luís e Dorival Júnior comentaram a polêmica recente envolvendo Gabigol. Os ex-comapnheiros do atacante admitiu que o atacante estava errado e acreditam que ele dará a volta por cima. O centroavante do Flamengo foi flagrado recentemente usando uma camisa do Corinthians durante sua folga e foi punido pelo clube com uma multa e sendo retirado o número 10 de seu uniforme.

O ex-camisa 10 e capitão do Flamengo, Diego Ribas acredita que é preciso reconhecer os erros para evoluir e o primeiro passo já foi dado por Gabi.

Publicidade

"Ele cometeu alguns erros que foram reconhecidos, e quando os erros são reconhecidos basta agora as atitudes irem na mesma direção desse reconhecimento para que ele recupere o melhor nível dele, que é o mais importante. Eu fico na torcida para que isso aconteça porque é bom para ele, para o Flamengo, para o futebol brasileiro. Fica aqui então todo o meu respeito e a torcida para que ele volte a fazer muitos gols."

O treinador da seleção brasileira, Dorival Júnior, que trabalhou com Gabigol no Flamengo e no Santos, elogiou o centroavente, apesar do ocorrido.

"Eu torço para que tudo se ajeite, tudo se acerte. É um garoto que merece todo o meu respeito, ele sabe disso. Aliás, fui treinador dele não só no Flamengo, mas no seu início no Santos. Então acho que tudo se ajeita. É um grande clube, são pessoas responsáveis, e o próprio Gabriel é um cara que sempre vestiu a camisa dos clubes que passou, por isso que eu torço muito para que tudo chegue em um consenso e tudo se ajeite."

Filipe Luís, também ex-comapnheiro de Gabigol e atual técnico do sub-17 do Flamengo, afirmou que o atacante tem tudo para reconquistar o carinho da torcida.

Publicidade

"Obviamente que ele comete erros, como todos. Errou e reconheceu o erro, que foi o mais importante. Era a única forma de que as pessoas entendessem. A partir daí eu concordo com o que o Tite fala: é trabalho e silêncio, quanto menos falar, melhor. E quanto mais gols fizer, melhor também. Depende dele agora recuperar. O que ele fez é eterno, ninguém apaga, mas a forma com que essa comunhão dele com a torcida possa se desenvolver vai depender do comportamento dele. Não tenho dúvida de que ele vai se esforçar para recuperar esse carinho "

Curtiu? Fique por dentro das principais notícias através do nosso ZAP
Inscreva-se