Monte seu e-commerce e divulgue sua marca no Terra

Ronaldo pede a cruzeirenses para cessar cânticos homofóbicos: 'Não é mais aceitável'

Clube pode ser punido pelo ato preconceituoso da torcida na partida contra o Grêmio

25 mai 2022 22h56
| atualizado em 26/5/2022 às 00h00
Compartilhar

Após o Cruzeiro ser denunciado pelo STJD por cânticos homofóbicos da torcida na partida contra o Grêmio, Ronaldo foi às redes sociais fazer um apelo. Através da Twitch, o dono do time mineiro demonstrou repúdio aos gritos e pediu para que os cruzeirenses não repetissem o ato em outros jogos.

Publicidade
Ronaldo fez apelo para torcedores do clube (Foto: Divulgação/Cruzeiro)
Ronaldo fez apelo para torcedores do clube (Foto: Divulgação/Cruzeiro)
Foto: Lance!

- A gente pode perder um projeto inteiro por um ato isolado de um torcedor ou outro que xinga. Não é aceitável mais isso nos dias de hoje. Eu peço, por favor, que espalhem essa voz, dentro da nossa torcida, que não é mais aceitável esse tipo de comportamento - disse Ronaldo.

- Você vai se prejudicar, vai prejudicar o clube e ainda vai ofender alguém. Portanto, por favor, não faça mais isso nos nossos estádios e na sua vida. Isso que é festa bonita, sem violência, sem preconceito, sem racismo - completou o ex-jogador ao reagir a outro vídeo da torcida.

Publicidade

O Cruzeiro corre risco de perder pontos na Série B por conta dos atos preconceituosos. No mesmo jogo, o Grêmio também foi denunciado também por cânticos discriminatórios. O time mineiro lidera a Série B, com 19 pontos, enquanto a equipe gaúcha ocupa a sexta posição, com 12.

Show Player
Fique por dentro das principais notícias de Futebol
Ativar notificações