Lewis Hamilton quebra mais um recorde pessoal no GP do Canadá

Em 2025 Hamilton irá se juntar a Ferrari, enquanto Russel continua na Mercedes e Norris na McLaren

8 jun 2024 - 06h45
Resumo
Lewis Hamilton, que está prestes a igualar o ex-piloto e heptacampeão Jenson Button, vai conquistar o recorde de maior longevidade na F1 entre pilotos britânicos e completará suas 6 corridas disputadas desde 2007 no GP do Canadá. Nigel Mansell, David Coulthard, George Russell e Lando Norris também estão entre os 5 pilotos britânicos que mais tempo permaneceram na F1.
Lewis Hamilton quebra mais um recorde pessoal no GP do Canadá
Video Player

Mesmo com os carros da Mercedes estando abaixo dos rivais, Lewis Hamilton vai quebrar mais um recorde na sua carreira no GP do Canadá de Fórmula 1. O piloto heptacampeão mundial se tornará o piloto britânico de maior longevidade na F1 entre compatriotas, ultrapassando o ex-piloto e campeão em 2009, Jenson Button.

Um outro fato interessante na carreira de Hamilton, com relação ao GP do Canadá, é que foi neste GP que ele conquistou sua primeira vitória na categoria, em 2007, na época com apenas 22 anos e 6 corridas disputadas.

Publicidade

A Inglaterra tem forte tradição na F1. Além de Hamilton e Button, outros pilotos figuram entre os cinco pilotos que mais tempo permaneceram na categoria: Graham Hill (16 anos), Nigel Mansell (14 anos) e David Coulthard (14 anos). Atualmente, o grid conta com outros dois britânicos: George Russell, companheiro de Hamilton, e Lando Norris da McLaren, ambos estreantes em 2019 e com uma vitória cada nesta temporada.

Em 2025 Hamilton irá se juntar a Ferrari, enquanto Russel continua na Mercedes e Norris na McLaren.

Assista ao vídeo com comentário de Charley Gima.

(*) Charley Gima é jornalista, produtor musical e criador do canal Fórmula FuteRock

Publicidade
Homework
Curtiu? Fique por dentro das principais notícias através do nosso ZAP
Inscreva-se