URGENTE
Saiba como doar qualquer valor para o PIX oficial do Rio Grande do Sul

Os 10 beijos mais icônicos do cinema

De Diário de Uma Paixão a Homem-Aranha, veja uma lista com os 10 beijos mais icônicos da história do cinema

20 abr 2024 - 18h06
(atualizado em 22/4/2024 às 09h27)

Desde o começo do século 20 e o surgimento dos primeiros longa-metragens, histórias de amor ditam as grandes tramas do cinema. Das mais emocionantes, em que o casal demorava para ceder ao encantos um do outro, até as mais intensas, em que ele se entendiam desde o primeiro minuto, o romance sempre foi um dos temas mais explorados no audiovisual.

Foto: Divulgação/Loew's Inc., New Line Cinema e Sony / Canaltech

Para coroar essa relação, havia sempre um beijo muito aguardado, que ganhava diversos significados de acordo com o seu contexto. Beijos como o loucamente apaixonado dado por Karen e o sargento Milton na praia de A Um Passo da Eternidade ou, até mesmo, o intenso e expressivo vivido por Enis e Jack em O Segredo de Brokeback Mountain.

Publicidade
Cena do clássico beijo de A Um Passo da Eternidade (Imagem: Divulgação/Columbia Pictures)
Foto: Canaltech

Isso, sem falar do clássico selinho com gosto de macarrão da cocker spaniel e do vira-lata de A Dama e O Vagabundo ou até mesmo do beijo de ponta cabeça protagonizado por Mary Jane e Peter Parker em O Homem-Aranha. Nãopor acaso, beijo de cinema virou uma expressão do nosso vocabulário e não faltam bons exemplos para ilustrá-la.

São todos beijos tão icônicos que passaram a ser repetidos e referenciados em outras produções quase que à exaustão. Em muitoscasos, quando você fala o nome do filme, imediatamente a cena daquela bitoca vem à mente. E não importa se em live-action ou animação, um bom beijo é sempre marcante.

Para relembrar em detalhes esses e outros beijos que ficaram marcados na memória do público, o Canaltech fez uma lista dos 10 beijos mais icônicos do cinema. Com direto a olho no olho, abraços, juras de amor e muita paixão.

10. Romeu + Julieta

Publicidade

Uma das histórias de amor mais clássicas da literatura, escrita por William Shakespeare, Romeu + Julieta ganhou inúmeras adaptações no cinema, fazendo especial sucesso com a versão dirigida por Baz Luhrmann (Elvis), em 1996. Protagonizada por Leonardo DiCaprio e Claire Danes, a produção conta a história de dois jovens vindos de famílias rivais, os Montéquio e os Capuleto, mas que acabam se apaixonando perdidamente um pelo outro.

Ambientado em uma fictícia Verona Beach, o filme tem uma trágica cena em que Julieta dá um selinho em Romeu e tenta absorver o veneno de seus lábios. Apesar disso, na versão dos anos 1990, a cena de beijo que se tornou inesquecível é aquela em que eles estão vestidos de cavaleiro e fada em uma festa à fantasia e Romeo rouba um beijo de sua amada em um elevador, descobrindo logo em seguida de quem ela é filha.

Romeu + Julieta está disponível no Star+.

9. A Dama e o Vagabundo

Quem disse que uma animação também não poderia ficar eternizada entre os beijos mais icônicos do cinema? A Dama e o Vagabundo, clássico da Disney de 1955, é uma animação musical que conta a história de amor repleta de aventuras vivida por Lady, uma cocker spaniel fêmea, pet de uma família refinada, e de Vagabundo, um macho vira-lata que vive solto pelas ruas.

Em um determinado momento da história, quando Lady foge de casa e conhece os prazeres da rua com Vagabundo, o vira-lata leva a cadelinha para jantar em um restaurante italiano. E, entre uma lambida e outra de macarronada, eles acabam sugando o mesmo fio de macarrão, o que faz com que seus lábios se encontrem no meio do caminho — um beijo inocente que muitos apaixonados também sonham em ter.

Publicidade

A Dama e o Vagabundo faz parte do catálogo do Disney+.

8. Star Wars: O Império Contra-Ataca

Quinto filme cronológico da saga Star Wars, mas o segundo a ser lançado nos cinemas, O Império Contra-Ataca é uma space opera dirigida por Irvin Kershner que chegou nas telonas em 1980. Ambientado após os eventos de Uma Nova Esperança, ele mostra a busca de Darth Vader para encontrar Luke, Han Solo e a Princesa Leia e dá ênfase ao treinamento do protagonista com o Mestre Yoda para aprender a usar a Força.

É neste filme que, quando a Millennium Falcon sofre alguns problemas técnicos e os personagens param para consertá-la, Han Solo e Leia se encontram nas fuselagens e, após algumas brigas e uma tentativa forçada de mostrar que se odeiam, acabam finalmente se beijando — trazendo também uma das mais peculiares declarações de amor docinema.

No final, C-3PO aparece e corta todo o clima, mas é inegável que a paixão entre os personagens já estava selada, apesar de nenhum dos dois querer demonstrar isso para o outro.

Star Wars: O Império Contra-Ataca pode ser visto no Disney+.

7. ...E o Vento Levou

Um dos filmes mais clássicos do cinema não tem apenas uma, mas várias cenas de beijo à altura de sua história. ...E o Vento Levou, drama histórico lançado em 1939, segue os passos de Scarlett O'Hara, uma jovem mimada que sofre pelo homem que ama estar apaixonado por outra. Tudo muda, no entanto, quando explode a Guerra de Secessão dos EUA e Scarllet precisa aprender a lutar sozinha para manter a fazenda de sua família.

Publicidade

Em uma de suas cenas mais conhecidas, Rhett Butler, interpretado pelo aclamado Clark Gable, propõe casamento a Scarlett, após ela já ter ficado viúva duas vezes. Embora inicialmente a personagem resista, o capitão insiste e a beija com vontade em seus braços, respondendo "Eu quero que você desmaie, você foi feita para isso" quando a jovem ameça desfalecer em seus braços.

...E o Vento Levou é um dos maiores clássicos do cinema e está disponível na Max.

6. Ghost - Do Outro Lado da Vida

Clássico da Sessão da Tarde, Ghost - Do Outro Lado da Vida é uma fantasia romântica estrelada por Patrick Swayze e Demi Moore que conta com Whoopi Goldberg no elenco. Lançado em 1990, o filme conta a história de Sam e Molly, um casal muito apaixonado que tem sua história de amor interrompida quando Sam é assassinado. O espírito do jovem, no entanto, permanece na Terra, pois tem a missão de avisar Molly de que ela também corre perigo.

Na cena final do longa-metragem, ao som do instrumental de Unchained Melody, Molly finalmente vê Sam no momento em que ele estão para fazer sua passagem para o plano espiritual. Como despedida, os dois encostam os lábios um no outro de maneira apaixonada, permitindo que Sam encontre a Luz agora que cumpriu sua missão na Terra — um beijo icônico justamente por marcar tanto esse amor que transcende a morte como também a verdadeira despedida do casal.

Publicidade

Ghost - Do Outro Lado da Vida faz parte do catálogo do MGM+.

5. O Segredo de Brokeback Mountain

Um dos mais importantes filmes LGBTQIA+ das telonas, O Segredo de Brokeback Mountain é um drama lançado em 2005, vencedor do Oscar de melhor roteiro adaptado, melhor trilha sonora e melhor direção para Ang Lee. Com cenas censuradas em vários países, o filme conta a história de Jack e Ennie, dois cowboys que, durante os anos 1960, são contratados para cuidar das ovelhas de um fazendeiro e acabam se apaixonando.

Estrelado por Heath Ledger e Jake Gyllenhaal como o casal protagonista, o filme conta com uma cena marcante, quando após Jack e Ennis terem ficado distantes por algum tempo, eles se reencontram e se beijam ardorosamente. Mesmo sem perceberem, o casal é observado por Alma, a mulher de Ennis, enquanto se entregam aos carinhos e abraços um do outro.

O Segredo de Brokeback Mountain pode ser visto no Star+ e Telecine.

4. Meu Primeiro Amor

Outro clássico da Sessão da Tarde que marcou a adolescência de muita gente (incluindo com alguns traumas), Meu Primeiro Amor é um filme de drama e romance estrelado por Anna Chlumsky e Macaulay Culkin. O título de 1991 conta a história de Vada, uma garota de onze anos que se culpa pela morte da mãe, falecida por complicações em seu parto, e o amor ingênuo que ela desenvolve com Thomas, um menino impopular que é seu melhor amigo.

Em uma cena muito delicada, gravada embaixo de uma árvore, aos pés de um lago, as duas crianças decidem dar um beijo para entender por que todos os adultos falam tanto sobre isso. Com Thomas de olhos fechados e Vada fazendo contagem regressiva para o momento, eles trocam um selinho muito discreto, que ganha um significado ainda mais especial com o desenrolar da história.

Publicidade

Meu Primeiro Amor está disponível na Netflix.

3. A Um Passo da Eternidade

Drama romântico de guerra vencedor de sete Oscar, incluindo o de Melhor Filme, A Um Passo da Eternidade é um filme dirigido por Fred Zinnemann que entrou para a seleta lista de filmes preservados do National Film Registry. Ambientado às vésperas do ataque japonês a Pearl Harbor, ele acompanha a vida dos oficiais que moram no campo do exército estadunidense no Havaí.

Naquela se que se tornou uma imagem icônica, o sargento Warden (Burt Lancaster), que tem um caso com Karen Holmes (Deborah Kerr) — mulher por quem é apaixonado, mas é esposa de seu capitão — dá um beijo apaixonado na amante enquanto os dois estão deitados na praia. Envolvidos pelas ondas do mar, os dois levantam e correm para um pedaço seco da areia, onde continuam a viver seu romance apaixonado.

A Um Passo da Eternidade está disponível para compra e locação na Amazon, Google Play e iTunes.

2. Diário de uma Paixão

Baseado em um livro escrito por Nicholas Sparks, Diário de uma Paixão é um drama romântico de 2004, que faturou impressionantes US$ 117 milhões, em contrapartida aos US$ 29 milhões de seu orçamento. Dirigido por Nick Cassavetes, ele conta a história de amor vivida por Allie e Noah, dois jovens que se apaixonam na década de 40, mas são separados pela família rica da garota, demorando anos para se reencontrarem.

Publicidade

Protagonizado por Rachel McAdams e Ryan Gosling, o filme ficou especialmente marcado pelo momento em que os protagonistas se beijam sob a chuva, após andarem de barco. Na cena, Allie, que está brava por Noah não a ter procurado ao longo de tantos anos, se entrega ao rapaz quando descobre que ele escreveu para ela todos os dias em que estavam separados.

Diário de uma Paixão pode ser assistido na Max.

1. Homem-Aranha 

Quem diria que o topo de ranking ficaria com um filme de super-herói? Homem-Aranha, dirigido por Sam Raimi e lançado em 2002, é a primeira parte da trilogia estrelada por Tobey Maguire. O loga-metragem conta a história de origem do amigão da vizinhança, mostrando como Peter Parker, um estudante do Ensino Médio, adquire poderes sobre-humanos após ser picado por uma aranha geneticamente modificada.

Em uma cena inesquecível, que marcou os fãs que foram assistir ao título nos cinemas, o Homem-Aranha espanta os assaltantes que estavam importunando Mary Jane, sua vizinha e interesse amoroso. Como agradecimento, ela abaixa a máscara do rapaz até o nariz e lhe dá um beijo apaixonado, enquanto ele está pendurado de ponta cabeça.

Homem-Aranha pode ser visto na Max.

Trending no Canaltech:

Publicidade
Fique por dentro das principais notícias de Entretenimento
Ativar notificações