PUBLICIDADE

Descubra os perigos do uso excessivo do celular para suas mãos

Ficar muito tempo no celular ou digitando no computador são hábitos prejudiciais à saúde das mãos e articulações. Saiba mais!

24 jun 2024 - 19h36
(atualizado em 29/6/2024 às 10h07)
Compartilhar
Exibir comentários

A artrose nas mãos é mais comum em idosos e mulheres na menopausa, no entanto, segundo o Bernardo Sampaio, fisioterapeuta e diretor clínico do ITC Vertebral e do Instituto Trata, tem ocorrido um aumento nos casos dessa doença em pessoas mais jovens.

Descubra como o uso excessivo do celular pode fazer mal às mãos. |
Descubra como o uso excessivo do celular pode fazer mal às mãos. |
Foto: freepik/Freepik / Boa Forma

De acordo com o profissional, em tempos de era digital, o uso excessivo de celulares e computadores passou a ser considerado um fator significativo no desenvolvimento da artrose nas mãos. A seguir, entenda o que é, os sintomas e o tratamento da condição.

O que é a artrose nas mãos?

Ela é caracterizada pelo desgaste das articulações das mãos, o que causa um aumento do atrito entre os ossos. Segundo Bernardo, a doença pode começar com uma sensação de que as "juntas" dos dedos estão ressecadas, travadas e um pouco inchadas.

Se não tratada adequadamente, tende a evoluir para dores mais intensas e atrapalhar até mesmo a realização de movimentos simples do dia a dia, por exemplo, segurar objetos e escrever.

Em situações mais graves, a artrose nas mãos pode provocar nódulos duros nos dedos e deformações.

"Essa condição pode ser bastante limitante, principalmente quando atinge as duas mãos, e é mais frequente em idosos e em mulheres na menopausa, devido ao envelhecimento da cartilagem", afirma.

"Também pode acometer pessoas que fazem atividades que usem demais as articulações das mãos, como o trabalho doméstico e digitar no computador por muito tempo", completa o profissional.

Além disso, vale lembrar que doenças inflamatórias, autoimunes ou genéticas podem contribuir para a rigidez das mãos, aumentando os riscos de artrose.

Tratamento da artrose nas mãos

O tratamento inicial da artrose nas mãos é clínico, utilizando remédios anti-inflamatórios, analgésicos, imobilização e reabilitação.

"Medicamentos protetores de cartilagem também podem retardar o processo de desgaste e, consequentemente, diminuir a dor", diz.

Casos mais avançados podem necessitar de um procedimento cirúrgico, cujo método é determinado de acordo com a articulação afetada e o grau da doença.

Bernardo afirma que as sessões de fisioterapia desempenham um papel importante no tratamento da artrose nas mãos, sendo que são recomendados exercícios leves e de baixa intensidade para o fortalecimento dos músculos ao redor dessas articulações.

"É preciso destacar que, para lidar com esse problema, a fisioterapia deve ser associada à outras medidas", alerta.

Boa Forma
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade