PUBLICIDADE

Problemas na coluna e dor de cabeça: entenda a relação

Você já ouviu falar em dor de cabeça cervicogênica? Saiba mais sobre o assunto

16 nov 2023 - 16h43
Compartilhar
Exibir comentários

Você sabia que problemas na coluna podem causar dor de cabeça? Se essas dores costumam se manifestar em um lado do rosto e se intensificam com determinadas posições ou movimentos do pescoço, é possível que você esteja enfrentando a dor de cabeça cervicogênica.

Entenda o que é a dor de cabeça cervicogênica |
Entenda o que é a dor de cabeça cervicogênica |
Foto: katemangostar/Freepik / Boa Forma

"Por diversas vezes, recebo pacientes em meu consultório que estão sofrendo de cefaleia cervicogênica, acreditando que estão, na verdade, com crises de enxaqueca ou confundindo com outros tipos de dor de cabeça", ressalta o Bernardo Sampaio, fisioterapeuta e diretor clínico do ITC Vertebral de Guarulhos.

O QUE É A DOR DE CABEÇA CERVICOGÊNICA?

Informações da Sociedade Brasileira de Cefaleia (SBC) apontam que existem mais de 150 tipos de dores de cabeça e 15% a 30% delas são atribuídas a problemas na coluna cervical.

De acordo com Sampaio, a dor de cabeça cervicogênica é caracterizada pela sensação de dor na cabeça originada a partir de uma fonte localizada no pescoço.

Muitas vezes, ela é desencadeada por movimentos do pescoço ou posições que colocam pressão ou estresse na coluna cervical e, por esse motivo, pode ser classificada como uma dor de cabeça secundária. Ficar muito tempo em uma posição ruim, como se sentar em frente ao computador por horas, é um fator comum que pode colaborar para o desenvolvimento dessa condição.

O especialista ainda ressalta que a dor de cabeça cervicogênica pode ser um sinal de que algo não está em equilíbrio. "O que muitas pessoas não têm conhecimento é que inflamações nas articulações, má postura e desvios na coluna vertebral podem ser causadores frequentes de dores de cabeça", diz.

"Na maioria das situações, quando alguém enfrenta uma dor de cabeça, é comum recorrer a um analgésico na expectativa de resolver o problema. No entanto, esse é um equívoco. O analgésico alivia o sintoma, mas não aborda a raiz da dor. Quando a dor persiste, é importante buscar avaliação de um especialista para investigar suas possíveis causas", alerta.

QUAIS SÃO OS SINTOMAS?

O fisioterapeuta conta que os sintomas da dor de cabeça cervicogênica, geralmente, se manifestam de forma unilateral. Além disso, apesar de serem convencionais, eles podem variar de acordo com cada caso. Os principais são:

  • Piora com o movimento do pescoço;
  • Dor nas pálpebras (atrás dos olhos);
  • Visão embaçada;
  • Náuseas/vômitos;
  • Dor que irradia para os braços, ombros e pescoço;
  • Rigidez no pescoço;
  • Tontura.

DIAGNÓSTICO

"Distinguir essa condição de outras formas de dor de cabeça é fundamental para um diagnóstico preciso. Eu costumo falar que a dor cervicogênica é a dor de cabeça que o fisioterapeuta mais trata. Existe alguns testes específicos para avaliar qual tipo de dor o paciente está sentindo, por exemplo, o teste de flexão e rotação, onde o paciente está deitado, e o terapeuta realiza a flexão com a rotação da cabeça. Se este teste for positivo, o paciente vai reproduzir sintomas e ter perda de parte da mobilidade do lado correspondente à dor", detalha.

Técnicas de fisioterapia para coluna cervical superior, como mobilização articular e liberações miofasciais, também podem ser utilizadas para identificar e lidar com o problema, ajudando a amenizar os sintomas.

COMO PREVENIR A DOR DE CABEÇA CERVICOGÊNICA?

Um dos pontos que mais ajudam na prevenção da dor de cabeça cervicogênica é prestar atenção na ergonomia durante longos períodos em frente ao computador. "A pessoa deve considerar a escolha de móveis adequados, como mesa e cadeira, adotar a postura correta e fazer pausas a cada 50 minutos", orienta.

A prática regular de atividades físicas é outra medida considerada essencial para a manutenção da saúde de ossos e músculos, evitando o desgaste nas articulações e a perda da flexibilidade. " Gerenciar o estresse também é importante para evitar problemas na cervical e em outros sistemas e órgãos do corpo", conclui.

Boa Forma
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade