PUBLICIDADE

Frutas secas ou cristalizadas engordam? Descubra antes do Natal

Muito comuns no Natal, essas frutas podem trazer desvantagens se consumidas em exagero; saiba como não ter problemas

1 dez 2023 - 13h01
(atualizado às 17h10)
Compartilhar
Exibir comentários

Na ceia de Natal, um dos itens mais presentes são as frutas secas ou cristalizadas. Nesse momento, quem está querendo emagrecer fica com aquela dúvida: será que esse alimento engorda? Por um lado, são frutas, que costumam ser ingredientes saudáveis e que podem ser ingeridos sem exageros; por outro, o fato de elas estarem preparadas de uma forma diferentes põe aquela pulga atrás da orelha.

Para entender tudo sobre isso, primeiro é preciso saber a diferença entre as frutas secas e as cristalizadas. As primeiras surgem com a desidratação das frutas frescas, passando por um processo de perda parcial da água.

Isso faz com que elas fiquem com mais nutrientes (como fibras, vitaminas e minerais) do que as originais, mas também com mais calorias. Quando uma fruta é cristalizada, por sua vez, quer dizer que ela passou por esse mesmo processo, mas depois ainda foi passada uma camada de açúcar por cima.

Com essas informações, é possível compreender que ambas as formas de preparo típicas do Natal engordam sim, mais do que as frutas in natura. "Se você consumir grandes quantidades de frutas secas, poderá ingerir mais calorias do que você conta, o que poderá contribuir para o aumento de peso se você não tiver uma conta no contexto de sua ingestão calórica total", diz a nutricionista Caian Maroni, da Clínica Fernanda Cortez.

Todavia, a especialista alerta para o fato de que não é um alimento sozinho que vai fazer alguém engordar, e sim a quantidade calórica total do dia e a dieta como um todo. Então, não precisa passar vontade de comer no Natal, basta não exagerar!

Árvores de Natal dos famosos: inspire-se na decoração de Ana Hickmann, Lore Improta e outras estrelas Árvores de Natal dos famosos: inspire-se na decoração de Ana Hickmann, Lore Improta e outras estrelas

Dicas para consumir sem problemas

É possível comer essas frutinhas de Natal sem grandes problemas. A primeira dica é optar pelas versões secas, não cristalizadas, já que elas não terão a adição do açúcar.

Outra sugestão de Caian é substituí-las parcialmente ou inteiramente pelas frutas in natura. Portanto, quem não resiste às frutas cristalizadas ou secas deve comê-las sem exagero. A especialista orienta apenas medir as porções e combiná-las com outros alimentos saudáveis.

Alto Astral
Compartilhar
Publicidade
Publicidade