0
Logo do Desfiles
Foto: terra

Desfiles

Acquastudio desfila a delicadeza das flores de cerejeira

Esther já apresentou peças estruturadas, arquitetônicas, difíceis de usar. Para esta coleção, porém, a ideia veio mais usável

16 abr 2015
17h27
atualizado às 17h51
  • separator
  • 0
  • comentários

As "sakuras", ou cerejeiras, não só enfeitavam a passarela da Acquastudio como também serviram de inspiração para a estilista Esther Bauman desenvolver sua coleção de verão 2016. "Fiquei encantada com uma estampa e a partir dela fui estudar sobre as flores de cerejeiras, que no Japão é a flor nacional e simboliza uma deusa. Representa ainda o fim do inverno e começo da primavera, tudo a ver com a coleção", disse no backstage. 

Foto: Marcelo Pereira / FramePhoto

Siga Terra Estilo no Twitter

A estampa em questão é a do vestido que finalizou o desfile: delicados traços pretos sobre fundo branco. Nele, foram aplicadas flores de cerejeiras pretas. E foram essas florzinhas que pontuaram a delicada sensualidade proposta pela estilista. Além do preto, as aplicações azuis, rosa e brancas em tons doces também enfeitam os vestido, curtos e longos de festa, o DNA da marca.

Esther já apresentou peças estruturadas, arquitetônicas, difíceis de usar. Para esta coleção, porém, a ideia veio mais usável, apesar dos milhares de vidrilhos, pérolas, miçangas de vários tamanhos e cores que cobriam vários looks. Um vestido curto azul-claro, todo bordado, pode até demorar meses para ser feito e custar, num tamanho de passarela, cerca de R$ 8 mil. "Todas as roupas apresentadas ficam no meu acervo. Se as clientes quiserem, fazemos outras", contou Esther, que tem ideia de lançar uma linha mais comercial, com menos bordados e não sob medida, como hoje são criadas suas peças.

<p>Esther já apresentou peças estruturadas, arquitetônicas, difíceis de usar, mas não foi o caso deste ano</p>
Esther já apresentou peças estruturadas, arquitetônicas, difíceis de usar, mas não foi o caso deste ano
Foto: Marcelo Pereira / FramePhoto

Os tecidos desfilados são também nobres, como tear de ráfia, renda guipure, cetim estampado, organza, que se traduziram em modelagens por vezes do estilo tulipa e outras em linha A . A estilista também arriscou um pouco mais na sensualidade, apostando em alguns decotes mais profundos, como do último look.

<p>Estilista arriscou um pouco mais na sensualidade, apostando em alguns decotes mais profundos</p>
Estilista arriscou um pouco mais na sensualidade, apostando em alguns decotes mais profundos
Foto: Marcelo Pereira / FramePhoto

Em cores doces, os vestidos longos também vinham retos, com delicadas linhas diagonais feitas com contas pretas. Mas se as flores dão um ar jovem e delicado aos looks, os laços enormes devem ser pensados apenas para efeito de passarela e não para a vida real.

Terra transmite ao vivo SPFW Verão 2016
O Terra transmite, mais uma vez ao vivo e com exclusividade na web, os desfiles do São Paulo Fashion Week, entre os dias 13 e 17 de abril. A transmissão de todos os desfiles realizados no Parque Cândido Portinari, na capital paulista, está disponível inclusive para tablets, smartphones e TVs conectadas. Os usuários também podem assistir aos vídeos dos desfiles quando quiserem pelo site especial.

Com toque de primavera, Acquastudio traz peças mais 'usáveis'

Veja looks do público e dê o seu voto: você usaria? Moda no trem! Você usaria os looks?

Siga o painel SPFW - São Paulo Fashion Week de Terra no Pinterest.

Fonte: Ponto a Ponto Ideias Ponto a Ponto Ideias
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade