0

Grifes do SPFW colocam roupas do "avesso" na passarela

26 abr 2018
13h37
  • separator
  • comentários

O título desta matéria não é literal. As roupas não estão do avesso de verdade, como aconteceu nos idos dos anos 1990/2000 com as ideias do estilista belga Martin Margiela, de contestar a própria moda e fazer com que as costuras ficassem aparentes. Afinal, o que é direito e avesso? Nas passarelas do SPFW, os fios soltos, riscados ou como estivessem presos ao tecido marcaram presença, de formas diferentes.

Avesso: Lino Villaventura, Fabiana Milazzo e Apto 03 (Fotos: Francisco Cepeda/AgNews)
Avesso: Lino Villaventura, Fabiana Milazzo e Apto 03 (Fotos: Francisco Cepeda/AgNews)
Foto: Elas no Tapete Vermelho

Lino Villaventura, Fabiana Milazzo e Luiz Claudio Silva , para seu Apartamento 03, mostraram o lado de traz da roupa, cada um a seu modo.  Confira e aposte, porque é tendência.

Lino Villaventura

Apartamento 03 (Fotos: Francisco Cepeda/AgNews)
Apartamento 03 (Fotos: Francisco Cepeda/AgNews)
Foto: Elas no Tapete Vermelho

As roupas desfiladas por Lino Villaventura apareceram, para homens e mulheres, com pontilhados brancos e amarelos sobre fundo preto. O efeito fez lembrar os riscos feitos com molde nos tecidos antes de serem cortados e costurados. Usado no lado direito, os desenhos do estilista criaram uma ótima composição gráfica nos looks, lembrando alinhavos.

Fabiana Milazzo

Fabiana Milazzo (Fotos: Francisco Cepeda/AgNews)
Fabiana Milazzo (Fotos: Francisco Cepeda/AgNews)
Foto: Elas no Tapete Vermelho

Inspirada na comunidade das ilhas flutuantes de Uros, do lago Titicaca, em Puno, Peru, a mineira Fabiana Milazzo colocou sua expertise em bordados deixando linhas sobrantes em alguns dos looks. A ideia surgiu exatamente do avesso dos tapetes fabricados na região, onde os fios ficam pendurados. O resultado foi um charme extra à lindas peças com bordados em tons fortes da coleção.

Apartamento 03

Apartamento 03 (Fotos: Francisco Cepeda/AgNews)
Apartamento 03 (Fotos: Francisco Cepeda/AgNews)
Foto: Elas no Tapete Vermelho

Das memórias de infância do estilista Luiz Claudio Silva vieram os fios costurados por fora das peças apresentadas no SPFW. No desfile, que teve a participação de Gloria Pires, como Beth, para "O Outro Lado do Paraíso ", vestidos, coletes e casacos apareceram com o recurso, formando um xadrez desconstruído como estampa. Afinal, em casa de costureira (sua mãe e tias exerciam o ofício), sair com um fio branco sobre uma roupa preta é a coisa mais comum do mundo, né?

Elas no Tapete Vermelho

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade