2 eventos ao vivo

Mulheres evitam academia por medo de serem julgadas

65% do público feminino deixa os exercícios de lado por receio de julgamentos - veja como eliminar essa sensação

13 mai 2019
16h35
atualizado às 17h03
  • separator
  • 0
  • comentários

É comum que fiquemos apreensivos nos primeiros dias de academia, pois é um universo novo. Mas, mais do que ter ansiedade no início, dados mostram que a maioria das mulheres prefere ficar em casa a fazerem musculação, por medo de serem julgadas.

Mulheres têm grande receio em serem julgadas na academia - Foto: Shutterstock
Mulheres têm grande receio em serem julgadas na academia - Foto: Shutterstock
Foto: Foto: Shutterstock / Minha Vida

Aproximadamente 65% do público feminino evita ir à academia por receio de "olhares tortos", de acordo com pesquisa feita com 1.000 participantes pela Fitrated, uma plataforma que analisa equipamentos e treinamentos de academias. A quantidade cai drasticamente para 36% entre os homens.

"Será que repararam em minhas manchas de suor na camiseta?". "Estou fazendo o exercício da forma certa?". "Pareço desengonçada?". Questionamentos como estes fazem com que mulheres se sintam intimidadas especialmente ao praticarem exercícios como esteira, aparelhos de musculação, abdominais...

  • 55% das mulheres sentem que são julgadas por "parecem inadequadas"
  • 49% das mulheres se preocupam com a escolha do vestuário para a academia
  • 25% das mulheres temem ser estereotipadas por outras pessoas

Como se livrar do medo de ser julgada

A insegurança de ser julgada vem da sensação de que todo mundo irá reparar em seus detalhes e movimentos. Mas não é bem assim: a maioria daqueles que frequentam academias estão focados somente em si mesmos, atentos em como executar determinado exercício e concentrados na contagem de séries.

Contudo, há alguns truques que te ajudarão a ganhar confiança na hora de malhar, segundo a professora Milena Emídio, coordenadora da academia Triathon, e Paula Loiola, personal trainer. Confira:

1) Outras opções: há alternativas para exercícios aeróbicos, como aulas de dança e luta. São formas diferenciadas de queimar calorias e que podem fazer com que se sinta mais à vontade, além de promover maior integração.

2) Não desista: praticar exercícios, por mais difícil que pareça no início, libera hormônios de bem-estar. Assim, ao final do treino, ficamos com maior disposição, autoestima e bom-humor.

3) Não tenha medo de perguntar: se você está em dúvida sobre a execução de um movimento ou como usar um aparelho corretamente, pergunte. Não tenha vergonha de pedir ajuda - caso contrário, além de chamar a atenção, pode ter lesões. Lembre-se que os professores estão lá justamente para te ajudar - este é o trabalho deles e eles estudaram justamente para isso!

4) Use roupas confortáveis: a academia não é um lugar para desfile de moda. Por isso, usar peças muito apertadas, além de serem desconfortáveis, podem render olhares e isso tende a aumentar sua ansiedade. Ainda, vestuário muito justo pode prejudicar o movimento em certos exercícios. Prefira roupas mais largas e confortáveis, feitas de algodão e tecidos dry fit.

Minha Vida
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade