PUBLICIDADE

Dia dos Namorados

Dia dos Namorados: veja como escolher o vinho perfeito para a data

Um bom vinho é ideal para celebrar o Dia dos Namorados com o seu amor; confira dicas para acertar na escolha!

11 jun 2024 - 11h27
(atualizado em 12/6/2024 às 05h50)
Compartilhar
Exibir comentários

O Dia dos Namorados é para comemorar o amor, e a ocasião merece um brinde. Assim, nada mais perfeito para um encontro a dois do que degustar um bom vinho! O sommelier do Oba Hortifruti, Diego Soares, afirma que há rótulos para todas as situações. "O vinho é a escolha certa nessa ocasião tão especial", garante.

Diego lembra que os tintos são os preferidos para celebrar a data, mas há várias opções que podem combinar com cada momento. De acordo com ele, vinhos brancos, rosés e tintos leves são ótimos para o fim de tarde. Já os vinhos tintos de médio corpo são perfeitos para a noite. 

"Os brancos caem bem como aperitivos e também para acompanhar saladas, aves e peixes. De coloração especial, os rosés são leves e combinam com peixes e frutos do mar, sejam crus ou cozidos", indica o sommelier.

Aprenda escolher o vinho ideal para o Dia dos Namorados
Aprenda escolher o vinho ideal para o Dia dos Namorados
Foto: Shutterstock / Alto Astral

Vai um fondue aí?

O clima de romance do Dia dos Namorados é perfeito para compartilhar um delicioso fondue. Abaixo, o especialista ensina como escolher os vinhos para acompanhar o prato: 

  • Brancos para queijos macios
  • Tinto para queijos mais duros ou defumados
  • Tinto leve para carnes magras
  • Tinto com mais corpo para carnes com mais marmoreio

Para o fondue de chocolate com frutas, a dica é servir um vinho do porto ou tinto seco de médio corpo (syrah ou touriga nacional). Para combinar tanto com o fondue de queijo como o de chocolate, o sommelier indica o Ravasqueira Lagar. 

"É um vinho que tem um perfil moderno e estagiado em barrica de carvalho americano. A elegância que traz contrasta bem com a força das notas abaunilhadas e de moca. É um vinho com muita fruta vermelha e que busca a intensidade máxima em cada momento", explica. 

A preparação do queijo e vinho também é muito apreciada na noite do Dia dos Namorados. Diego indica o Ravasqueira Syrah para acompanhar gouda e estepe. "De cor grená escura e densa, tem grande impacto e equilíbrio entre as notas de frutos preta madura, ameixa e figo e notas de estágio em madeira", comenta.

Para meia cura e parmesão, o sommelier indica a Ravasqueira Touriga nacional. "De cor leve violeta, densa escura, tem um perfil nobre e intenso com as notas de cedro e caruma em destaque. Na prova, é cheio, muito fresco e elegante, com grande ataque com taninos finos e um final cheio de frescura viva. Tem notas de ameixa e amoras não muito maduras", diz Diego.

Alto Astral
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade