PUBLICIDADE

Enfermeiras são criticadas ao expor atitudes "irritantes" de mães no parto

As funcionárias, que não trabalham mais no estabelecimento de saúde norte-americano, resolveram participar de uma trend do TikTok

13 dez 2022 - 17h28
Compartilhar
Exibir comentários

O trabalho de parto representa, por si só, uma experiência sensível para a mãe. Portanto, confiar dos profissionais que participam desse momento deixa tudo mais confortável. É por este motivo que um vídeo "inocente", compartilhado nas redes sociais por quatro enfermeiras obstetras gerou revolta entre os internautas.

Foto: JGI/Jamie Grill/Getty Images / Bebe.com

As profissionais, do Emory Healthcare, na Georgia (EUA), entraram em uma trend do TikTok para expor alguns "icks" - ou seja, atitudes irritantes e até mesmo desagradáveis - de pacientes que elas atendem no dia a dia.

"O meu 'ick' é quando você chega para sua indução [de parto] falando: 'Posso tomar um banho e comer?'", começou uma das funcionárias. "O meu é quando você me pergunta quantos quilos o bebê pesa, e ele ainda está nas suas mãos", acrescentou outra.

Em seguida, uma terceira enfermeira afirma se incomodar quando a mãe "diz que não quer nenhum medicamento, mas está no nível 8 (de 10) na escala de dor". "Quando, a cada cinco minutos, um familiar vem solicitar algo", foi outro "ick" citado.

https://twitter.com/melaninmamis/status/1601714363441651714

O vídeo original foi excluído, mas repostagens do conteúdo se espalharam pela internet e dividiram opiniões. "O espaço para se trazer uma vida ao mundo deveria ser seguro e sincero. Essas mulheres não precisam estar nesta profissão", escreveu uma pessoa.

Já outra usuária disse acreditar que não há nada de errado com esses sentimentos. "Às vezes, o trabalho que você ama vai acabar com você. Mas é muito inapropriado postar isto nas redes sociais, poderia ter sido apenas uma conversa entre elas", comentou.

O Emory Healthcare se manifestou através de um comunicado online após a história viralizar:  "Este vídeo não representa nosso compromisso com os cuidados em relação ao paciente e à família, e está muito distante dos valores e condutas que esperamos que cada membro da equipe mantenha e demonstre."

https://www.instagram.com/p/Cl7PNp2IbaE/

Além disso, a nota ressaltou que a publicação continha comentários desrespeitosos e não profissionais sobre as pacientes e que a empresa tomou as atitudes apropriadas em relação às funcionárias responsáveis pelo vídeo.  

Bebe.com
Compartilhar
Publicidade
Publicidade