0

Sacola feita com mandioca é alternativa sustentável ao plástico

Produto foi criado por um biólogo indonésio; a empresa dele também vende outros produtos que têm como objetivo substituir o uso de materiais poluentes

20 dez 2019
18h50
  • separator
  • 0
  • comentários

O biólogo Kevin Kumala, que vive em Bali, na Indonésia, criou uma sacola que não causa danos ao meio ambiente ao substituir o plástico pela mandioca como matéria-prima. Caso seja jogado no mar, o item pode servir de alimento para peixes.

Produtos da empresa Avanieco são feitos de materais sustentáveis, buscando minimizar o impacto no meio ambiente
Produtos da empresa Avanieco são feitos de materais sustentáveis, buscando minimizar o impacto no meio ambiente
Foto: Instagram / @avanieco / Estadão

Estima-se que, em 2050, o mundo produzirá 33 bilhões de toneladas de plástico. O material, que demora 400 anos para se decompor, é extremamente danoso para o meio ambiente, o que tem estimulado campanhas para aumentar a reciclagem e uso de alternativas.

Kumala criou a sacola à base de mandioca após retornar dos Estados Unidos para a Indonésia e ver o grande acúmulo de lixo em Bali, ilha onde nasceu. O biólogo desenvolveu e passou a vender produtos que aparentam ser feitos de plástico, mas têm como matéria-prima o tubérculo.

A Avani Eco, que existe desde 2014, vende sacolas, canudos, talheres, copos e embalagens, todos feitos com materiais sustentáveis, com tempo de decomposição de cem dias. Segundo o site da empresa, ela já substituiu três toneladas de produtos não sustentáveis desde 2016.

"Nós buscamos continuamente nos tornar uma ponte para ajudar e encorajar comunidades e negócios a produzirem iniciativas que gerem um impacto sustentável para o meio ambiente. Encorajando o uso do termo 'responsável' como um valor central dos três fatores chave: reduzir, reutilizar, reciclar", diz o site da empresa.

*Estagiário sob supervisão de Charlise Morais

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade