PUBLICIDADE

Atividade física: como começar a treinar de uma vez por todas

Dar o pontapé inicial pode ser bastante difícil, mas que tal tentar um novo método?

25 nov 2021 10h06
ver comentários
Publicidade
Gentileza, progresso e controle são os pilares para começar de vez a treinar!
Gentileza, progresso e controle são os pilares para começar de vez a treinar!
Foto: Shutterstock / Alto Astral

Existem coisas na vida que parece ser impossível riscar nas listinha de tarefas feitas, né? Talvez o maior exemplo disso seja treinar. Mesmo sabendo da importância de fazer atividades físicas para a saúde, colocar o plano em prática pode ser bastante difícil. Mas por que isso acontece? 

"Muitas pessoas precisam iniciar um programa de exercícios, mas ainda não começaram por sentimentos como medo, vergonha ou receio. O medo costuma ser do treino intenso e pesado", explica o personal trainer Giuliano Esperança, especialista em fisiologia do exercício e diretor técnico da Sociedade Brasileira de Personal Trainers (SBPT). 

Segundo o profissional, a pandemia aumentou o tempo que as pessoas passam sentadas em frente à TV, indo de três horas diárias para, aproximadamente, quatro horas e vinte minutos. Em contrapartida, pesquisas apontam que 60% das pessoas abandonaram as atividades físicas. "Menos exercícios e mais sedentarismo. O resultado dessa combinação é favorável para o desenvolvimento de doenças metabólicas, cardiovasculares e posturais", observa. 

Mudando o método

Uma vez que a causa das pessoas não treinarem for identificada, é chegada a hora de traçar outro plano, né? Por isso, Giuliano ressalta a importância de começar do jeito certo e pensar na melhora da saúde antes de focar no emagrecimento. "O treino intenso pode ser bastante prejudicial para o sistema imunológico, dependendo do organismo. Aliás, as intensidades mais leves já garantem ótimos resultados", acrescenta. 

Treinando com gentileza, progresso e controle

O personal destaca o método GPC baseado em três pilares fundamentais para quem deseja treinar: gentileza, progresso e controle. Entenda cada um deles:

G de gentileza: Antes de qualquer coisa, você precisa ser gentil com o seu corpo, principalmente para ele conseguir continuar com os treinos. Equilibre as doses de desgaste e recuperação, além de lembrar que a regularidade importa mais do que a intensidade. 

P de progresso: O plano deve ser progressivo, ou seja, é melhor treinar todo dia um pouquinho e ir aumentando com o tempo do que tentar fazer treinos mais exaustivos logo no início e acabar lesionado. 

C de controle: O último pilar fala sobre a execução dos movimentos, que deve ser simples e controlada. Isso diminuirá as chances de lesão e criará uma forma segura para que você faça seus exercícios sem prejudicar as atividades do dia a dia ou até mesmo futuros treinos.  

"Treine todos os dias para ser só 1% melhor do que antes e com o objetivo verdadeiro de cuidar do seu corpo, da sua saúde e ter energia vital para viver pelo que te move. Não faça apenas por um ou dois meses, mude de vida para sempre!", reforça Giuliano. 

Fonte: Giuliano Esperança, personal trainer especialista em fisiologia do exercício, diretor técnico da Sociedade Brasileira de Personal Trainers (SBPT) e diretor-executivo do Instituto Bem-Estar, em Rio Claro (SP). 

Alto Astral
Publicidade
Publicidade