PUBLICIDADE

Sobe para 8 número de mortes após fortes chuvas em SP

Segundo a Defesa Civil, nova vítima foi uma pessoa atingida por uma árvore em Ibiúna, que estava internada e não resistiu

7 nov 2023 - 13h06
(atualizado às 14h33)
Compartilhar
Exibir comentários
Árvore caída, devido ao temporal da última sexta-feira, 3, na Rua Marambaia, no bairro da Casa Verde, na zona norte da cidade de São Paulo.
Árvore caída, devido ao temporal da última sexta-feira, 3, na Rua Marambaia, no bairro da Casa Verde, na zona norte da cidade de São Paulo.
Foto: Felipe Rau/Estadão / Estadão

Subiu para oito o número de pessoas mortas após as fortes chuvas e rajadas de vento que atingiram grande parte do Estado de São Paulo na sexta-feira, 3, segundo o Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil. A nova vítima, que foi confirmada nesta terça-feira, 7, foi atingida por uma árvore em Ibiúna, no interior paulista. Ela estava internada, mas não resistiu aos ferimentos.

A Defesa Civil atendeu neste período cerca de cem desabamentos em todo o estado, em ocorrências com danos em muros, casas e destelhamentos de imóveis. Além disso, foram registrados mais de 2.000 chamados em ocorrências em 40 cidades. Até o momento, não há previsão de novas tempestades e vendavais para os próximos dias.

Veja lista atualizada às 12h desta terça-feira, 7, pela Defesa Civil do Estado de São Paulo com o número de mortos:

  • 2 pessoas morreram em São Paulo (zona leste): queda de árvore sobre veículo;
  • 1 pessoa faleceu em Osasco: queda de árvore sobre um carro;
  • 1 pessoa morreu em Santo André: queda de parede do 18º andar de prédio em construção;
  • 1 pessoa faleceu em Limeira: queda de muro sobre pessoa;
  • 1 pessoa morreu em Suzano: queda de árvore sobre pessoa;
  • 1 pessoa morreu em Ilhabela: naufrágio de embarcação.
  • 1 pessoa morreu em Ibiúna: atingida por uma árvore. 

Abastecimento de água e luz

Ao menos 200 mil endereços ainda permanecem sem energia elétrica em 24 municípios da região metropolitana de São Paulo, incluindo a capital paulista, atendidos pela Enel Distribuição São Paulo.

"A Enel colocou quase 3 mil profissionais nas ruas que seguem trabalhando 24 horas por dia para agilizar os atendimentos e normalizar o fornecimento para quase a totalidade dos clientes até esta terça-feira, conforme anunciado em reunião com o prefeito de São Paulo", disse a companhia. A previsão é que o serviço seja totalmente restabelecido até a noite desta terça-feira.

Já com relação ao abastecimento de água, a Sabesp reforça a solicitação de uso consciente de água aos moradores da Grande São Paulo até a completa normalização de todo o sistema. Com o processo de restabelecimento da energia elétrica em pontos da capital e região metropolitana, o abastecimento de água segue em recuperação em pontos mais críticos nesta terça-feira. 

Segundo o Governo do Estado, existem pontos sem energia afetando principalmente o abastecimento de água em trechos isolados das seguintes localidades: Cotia, Jandira, Vargem Grande Paulista e Pirapora do Bom Jesus. Em Osasco, os reservatórios estão em recuperação.

A Companhia continua trabalhando de forma emergencial para abastecimento dos locais críticos com caminhões-tanque. A Sabesp recomenda que os clientes priorizem o uso da água para higiene e alimentação até que o abastecimento esteja normalizado. Casos de emergência podem ser atendidos pelo 0800 055 0195.

Funcionamento dos serviços estaduais

Os serviços essenciais e os de atendimento ao público do Governo de São Paulo estão funcionando regularmente nesta terça-feira, apesar do desabastecimento de energia elétrica desde a última sexta-feira em alguns pontos do Estado.

A Secretaria de Estado da Educação informa que 25 escolas estaduais seguem sem fornecimento de energia. São 14 unidades na capital e 11 no interior do estado. 14 escolas estão com aulas presenciais suspensas e, para atender os estudantes, a Seduc disponibilizou o conteúdo das aulas pelo Centro de Mídias.

Nas unidades do Centro Paula Souza, haverá aulas remotas nas Escolas Técnicas Estaduais (Etecs) Prof. Edson Galvão (Itapetininga) e Mairinque. A Etec de Piraju e a Faculdade de Tecnologia do Estado (Fatec) Sorocaba terá aulas online até sábado, 11.

A Secretaria de Desenvolvimento Social, que coordena a rede de restaurantes e unidades móveis do Bom Prato e outros equipamentos de assistência social, mantém o atendimento regular ao público em todas as suas unidades. O mesmo ocorre nos postos do Poupatempo e do Detran que estão abertos e atendendo ao público.

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Publicidade