PUBLICIDADE

Compromisso para proteger planeta não pode ser adiado, diz Papa Francisco

Durante discurso a autoridades na Mongólia, o papa afirmou que o compromisso para proteger o planeta Terra precisa ser respeitado

2 set 2023 - 10h48
(atualizado às 13h21)
Compartilhar
Exibir comentários
Papa Francisco
Papa Francisco
Foto: Vatican Media via Vatican Pool/Getty Images

Durante discurso perante autoridades na Mongólia, o papa Francisco afirmou neste sábado, 2, que o compromisso para proteger o planeta Terra não pode mais ser adiado. O líder da Igreja Católica destacou que o país "ajuda a reconhecer e promover com delicadeza e atenção, combatendo os efeitos da devastação humana com uma cultura de cuidado e bem-estar, que se reflete em políticas ecológicas responsáveis".

"As 'ger', as tradicionais casas itinerantes dos nômades mongóis, são espaços habitacionais que hoje poderiam ser definidos como 'inteligentes' e 'verdes', pois são versáteis, multifuncionais e têm impacto zero no ambiente", observou.

Além disso, Jorge Bergoglio reforçou que "a visão holística da tradição xamânica mongol e o respeito por cada ser vivo deduzido da filosofia budista representam uma contribuição válida para o compromisso urgente e não mais adiável pela proteção do planeta Terra".

Segundo o Pontífice, "os imensos espaços" das regiões do país "são um espelho da grandeza e da beleza de todo o planeta, chamado a ser um jardim hospitaleiro".

Descubra quais são os 10 materiais que demoram mais tempo para se decompor Descubra quais são os 10 materiais que demoram mais tempo para se decompor

"A tua sabedoria, enraizada em gerações de criadores e cultivadores prudentes, sempre cuidadosos para não perturbar o delicado equilíbrio do ecossistema, tem muito a ensinar a quem hoje não quer fechar-se na procura de um interesse particular míope, mas deseja entregar à posteridade uma terra ainda acolhedora e fecunda", concluiu.

Corrupção

Em seu pronunciamento, o Santo Padre abordou também a corrupção e disse que as religiões, "quando remetem à sua herança espiritual original e não são corrompidas por desvios sectários, são em todos os aspectos apoios confiáveis na construção de sociedades saudáveis e prósperas".

Desta forma, segundo ele, os crentes gastam seu dinheiro para que os cidadãos, a convivência e o planejamento político estejam cada vez mais a serviço do bem comum, representando também uma barreira contra o perigoso verme da corrupção".

"Isto [corrupção] constitui para todos os efeitos uma grave ameaça ao desenvolvimento de qualquer grupo humano, alimentado por uma mentalidade utilitarista e sem escrúpulos que empobrece países inteiros", alertou.

Na sequência, Francisco se reuniu com bispos e representantes do clero na catedral católica de Ulan Bator e reforçou a importância da figura na Igreja.

"Convido-vos a ver no bispo não um 'gestor', mas a imagem viva de Cristo Bom Pastor que reúne e guia o seu povo", finalizou.

Ansa - Brasil   
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade