PUBLICIDADE

Cinco dicas imperdíveis do streaming para o fim de semana

Semana tem a segunda parte da temporada da série francesa “Lupin” e a brasileira “Dom” na Amazon

11 jun 2021 15h07
ver comentários
Publicidade

LUPIN (Netflix) – O francês Omar Sy tornou-se o primeiro grande astro negro do cinema francês desde que estrelou “Os Intocáveis” (2011), recordista de bilheteria na França e na Europa. Ele reapareceu na Netflix nesta série sobre um ladrão mão-leve de jóias e outros objetos de valor, inspirado num célebre personagem criado por Maurice Leblanc no século 19. A Netflix, que já tinha lançado uma primeira parte da série com cinco episódios, estreia agora a segunda parte, com mais cinco – e muito mais cenas de ação do que na leva anterior.

Cena da série "Lupin"
Cena da série "Lupin"
Foto: Divulgação

DOM (Amazon Prime) – A primeira série brasileira da Amazon é inspirada na história real de Pedro Dom, rapaz da classe média carioca que ficou famoso nas páginas policiais como um grande assaltante de condomínios de luxo no Rio. A série aposta na rivalidade de Dom com seu pai, que era policial. O ótimo Gabriel Leone (de “Verdades Secretas” e “Velho Chico”) aparece bem estranho com lentes azuis e cabelo loiro. A premissa “jovem branco de classe média” nos lembra muito o filme “Meu Nome Não é Johnny”, com Selton Mello – só que com mais cenas de ação e violência.

SESSÃO DE TERAPIA (Globoplay) – A versão brasileira da série que é sucesso no mundo todo chega à sua quinta temporada. O analista Caio (Selton Mello) tem quatro novos pacientes. Letícia Colin (de “Onde Está Meu Coração”) vive uma estilista que busca tratamento para sua depressão pós-parto, e Rodrigo Santoro vive outro analista, que faz a supervisão do trabalho de Caio. Cinco novos episódios entram no ar toda sexta-feira.

Rodrigo Santoro na série "Sessão de Terapia"
Rodrigo Santoro na série "Sessão de Terapia"
Foto: Divulgação

O MÉTODO KOMINSKY (Netflix) – Depois da morte de Norman (Alan Arkin), como fica a vida de Sandy (Michael Douglas)? Ele passa por muito luto, mas também (claro) por situações de muito humor. É o que vamos desobrir na terceira temporada da série, que estreia menor que as anteriores – seis episódios apenas.

SWALLOW (Mubi) – Uma jovem está grávida e parece ter a vida perfeita. Mas os sogros controladores e o marido perfeito demais começam a dar gatilho em sua ansiedade, e ela começa a engolir objetos de todos os tipos. Aclamado pela crítica americana, o primeiro longa do diretor Carlo Mirabella-Davis foi muito comparado ao clássico “O Bebê de Rosemary” – e deu a Haley Bennett o prêmio de melhor atriz no Festival de Tribecca, em Nova York.

Plano Geral
Publicidade
Publicidade