PUBLICIDADE

Bárbara Paz tem curta selecionado no Festival de Veneza

"Ato" mostra um homem que tem a companhia de uma "profissional do afeto" num mundo solitário

26 jul 2021 15h44
ver comentários
Publicidade

A atriz e diretora Bárbara Paz teve seu novo trabalho como diretora selecionado para o Festival de Veneza, que acontece de 1 a 11 de setembro na Itália. Seu curta “Ato”, estrelado por Alessandra Maestrini e Eduardo Moreira, foi selecionado para a seleção Orizzonti Short Films.

A atriz e diretora Bárbara Paz
A atriz e diretora Bárbara Paz
Foto: Divulgação

O filme mostra Dante, um homem que se encontra em um processo de travessia num mundo suspenso e solitário, Sua única companhia: Ava - uma profissional do afeto”. Cao Guimarães (“O homem das multidões”) assina o roteiro e a montagem fica a cargo de Renato Vallone (“Cinema Novo”). Azul Serra (“Ninguém Tá Olhando”) assina a direção de fotografia. 

Alessandra Maestrini em cena do curta "Ato", de Bárbara Paz
Alessandra Maestrini em cena do curta "Ato", de Bárbara Paz
Foto: Divulgação

“Em um mundo onde a solidão foi a maior protagonista, com palcos vazios e o medo constante da morte, o afeto é o Ato, a fuga, o desejo fundamental da sobrevivência”, comentou Bárbara Paz “É um honra tão grande voltar ao grande Festival de Veneza com meu primeiro filme de ficção. Um pequeno ato de silêncio e solidão”.

Em 2019, Bárbara venceu o Leão de Ouro de Melhor Documentário no festival com seu documentário longa-metragem "Babenco: Alguém tem que ouvir o coração e dizer parou". O filme fazia um retrato íntimo dos últimos anos da vida de seu marido, o cineasta Hector Babenco, diretor de "Pixote" e "O Beijo da Mulher Aranha".

 

Plano Geral
Publicidade
Publicidade