PUBLICIDADE

Vídeo: Evento climático castiga Porto Alegre com intensa tempestade de raios

Forte atividade elétrica e chuvas intensas despertam a capital gaúcha no início do sábado. Veja o vídeo:

18 nov 2023 - 13h16
Compartilhar
Exibir comentários

Porto Alegre foi surpreendida por uma tempestade de raios que atingiu a região no final da madrugada deste sábado, deixando muitos residentes assustados. As trovoadas intensas e o espetáculo de relâmpagos iluminaram os céus por volta das 5h, despertando uma série de comentários nas redes sociais, onde diversos usuários expressaram surpresa diante da potência do fenômeno climático.

Foto: Reprodução/Rede Social / Porto Alegre 24 horas

As imagens de satélite das primeiras horas do sábado revelaram a presença de nuvens extremamente carregadas sobre a área de Porto Alegre. Essas nuvens apresentavam temperaturas de topo que ultrapassavam os -80°C, indicando um desenvolvimento vertical significativo, com potencial para alcançar altitudes consideráveis na baixa troposfera. Essas condições são frequentemente associadas a chuvas intensas e tempestades.

A formação da nuvem carregada do tipo Cumulunimbus foi resultado de uma combinação de fatores climáticos, incluindo ar quente, baixa pressão atmosférica e umidade abundante. Essa conjunção criou uma atmosfera altamente instável, propícia à formação de nuvens tempestuosas, explicando a intensidade do evento registrado.

Um dos dados mais notáveis foi a leitura da pressão atmosférica registrada pelo Aeroporto Salgado Filho entre 4h e 5h da manhã, marcando apenas 996 hPa. Esse valor extremamente baixo de pressão é incomum para Porto Alegre e, historicamente, situações similares têm sido associadas a tempestades severas na região. No entanto, apesar da pressão baixa, desta vez não houve relatos de ventos fortes, apenas uma chuva intensa que em pouco mais de trinta minutos acumulou 20 mm no Centro e na zona Norte.

O total de chuva em apenas 12 horas até às 6h da manhã atingiu 55 mm na estação da zona Norte, representando mais da metade da média histórica de precipitação para o mês de novembro na cidade, que é de 105,5 mm. Apesar do impacto da tempestade, não foram registrados danos significativos além do volume expressivo de chuva em curto período de tempo.

Veja o vídeo:

Com a informação MetSul.

Porto Alegre 24 horas
Compartilhar
Publicidade
Publicidade