PUBLICIDADE

Sol forte e calor no última sexta-feira do outono

Frente fria chega ao Rio Grande do Sul. Áreas do litoral do Nordeste em alerta para temporais. Ar seco ainda predomina no Brasil no fim de semana.

14 jun 2024 - 02h39
Compartilhar
Exibir comentários

Uma grande massa de ar seco ainda predomina sobre o país  deixando a umidade do ar muito baixa e inibindo a ocorrência de chuva em praticamente todo o Brasil. As nuvens de chuva estão se formando em algumas áreas do Nordeste e no extremo norte do Brasil. Mas nesta sexta-feira, a aproximação de uma frente fria traz de volta a chuva para algumas áreas do Rio Grande do Sul. 

Por enquanto,  além da falta de chuva,  a maior parte do país permanece com temperaturas muito acima do normal para esta época do ano.

Durante o fim de semana,  a passagem desta frente fria pela Costa Gaúcha combinada com a circulação de ventos em vários níveis da atmosfera,  vai produzir  muitas áreas de instabilidade  sobre o Rio Grande do Sul que volta a ter chuva forte. Algumas áreas de Santa Catarina e também do Paraná poderão ter pancadas de chuva durante o domingo.

Foto: Climatempo

Sol forte na maior parte do Brasil no último fim de semana do outono de 2024.

O inverno começa astronomicamente às 17h51 de 20 de junho(Foto: Getty Images)

Confira a previsão do tempo para esta sexta-feira e a tendência para o fim de semana em cada Região do Brasil.

 

Região Sul

O ar seco ainda predomina sobre o Sul do Brasil nesta sexta-feira e praticamente toda a região permanece com sol forte,  temperatura  acima do normal e sem condições para a chuva.  a possibilidade de formação de nevoeiro ao amanhecer na região do Vale do Itajaí e no litoral norte catarinense.

Uma frente fria se aproxima do Rio Grande do Sul e há previsão de pancadas de chuva na fronteira com o Uruguai. Apenas no litoral sul gaúcho estas pancadas de chuva poderão ser moderadas a fortes. 

Atenção:  a passagem da nova frente fria pela costa do Rio Grande do Sul no fim de semana, juntamente com a circulação de ventos em vários níveis da atmosfera,  vai provocar chuva forte no estado durante o fim de semana.

No domingo, pancadas de chuva podem ocorrer também em áreas de Santa Catarina e do Paraná.

Região Sudeste

A grande massa de ar seco que predomina sobre o Brasil mantém praticamente toda a Região Sudeste E com temperaturas muito acima do que seria normal para o mês de junho. 

Nesta sexta-feira, a circulação de ventos marítimos se intensifica no extremo nordeste de Minas Gerais e no extremo norte do Espírito Santo.  Há possibilidade de pancadas de chuva no norte capixaba, mas de forma isolada e com pouca intensidade. Esse aumento de umidade vai formar muitas nuvens sobre o Vale do Jequitinhonha, em Minas Gerais,  mas a chance de alguma chuva é baixa.

O interior de São Paulo vai continuar sendo um dos locais mais secos do Brasil nesta sexta-feira.

O fim de semana promete ser com muito sol e calor na Região Sudeste do Brasil. As praias do Sudeste vão contar com muito sol também. Temperaturas amenas continuam a ser observadas apenas durante a madrugada  e ao amanhecer. Há uma possibilidade de chuva fraca isolada na região do Vale do Jequitinhonha, em Minas Gerais, e no extremo norte de Capixaba. 

Região Centro-Oeste

Toda a Região Centro-Oeste do Brasil vai continuar com muito sol,  calor e umidade do ar baixa nesta sexta-feira. Nos estados de Mato Grosso,  Goiás e de Mato Grosso do Sul, a umidade relativa do ar pode ficar um pouco abaixo dos 20% nas horas mais quentes do dia.  

Cuiabá, Campo Grande e Goiânia devem continuar na lista das capitais mais secas do país.

Com previsão de 37°C, Cuiabá poderá registrar uma das maiores temperaturas para um dia de junho desde 1961. 

O fim de semana ainda será ensolarado e muito quente seco na região centro-oeste do país. Porém, o deslocamento de uma frente fria pelo pelo Sul do Brasil  e áreas de instabilidade que começam a se formar sobre o Paraguai, vão provocar um aumento da nebulosidade sobre o Mato Grosso do Sul. Mas não há expectativa de chuva, por enquanto.

Região Nordeste

A área de instabilidade crescem ao longo da costa do Nordeste do Brasil espalhando nuvens carregadas que podem provocar chuvas fortes. 

Nesta sexta-feira,  o sol forte e o tempo seco predominam sobre o centro-sul do Maranhão e do Piauí e também no oeste da Bahia e na região do Vale do São Francisco. 

No sul do Rio Grande do Norte e no sertão da Paraíba, a nebulosidade aumenta mas não deve chover.

As demais áreas da região Nordeste vão ter pancadas de chuva no decorrer do dia intercaladas com períodos de sol. 

Esta sexta-feira é com alerta para temporais entre Fortaleza e João Pessoa. O litoral do Maranhão,  o norte do Piauí e do Ceará,  o centro-oeste do Rio Grande do Norte, o Agreste da Paraíba, o litoral e o Agreste de Pernambuco e também o litoral sul da Bahia podem ter pancadas de chuva moderadas a fortes e com raios.

Na região de Salvador,  no litoral norte da Bahia,  em Sergipe,  em Alagoas,  na região de Teresina podem ocorrer pancadas de chuva moderadas.

Região Norte

Pancadas de chuva continuam acontecendo em vários estados da Região Norte do Brasil onde ainda temos bastante umidade para a formação das nuvens carregadas. 

Nesta sexta-feira, essas pancadas de chuva acontecem com frequência sobre o Amapá, em Roraima, no norte do Pará, no extremo norte e no centro-oeste do Amazonas e no oeste do Acre.  Há risco de raios e algumas pancadas podem ser moderadas a forte. 

Em Roraima o alerta é para temporais. No extremo norte do Amapá, na região do Oiapoque, a chuva pode ser bastante volumosa.

No Tocantins, no centro, sul, leste e oeste do Pará, no leste e sudeste do Amazonas, em Rondônia e no centro-leste do Acre, o sol forte e o ar seco predominam.

Climatempo
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade