PUBLICIDADE

Mundo

Putin estaria pronto para cessar-fogo na Ucrânia, diz mídia

Líder deseja que linhas do campo de batalha sejam reconhecidas

24 mai 2024 - 11h30
(atualizado às 11h42)
Compartilhar
Exibir comentários

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, estaria pronto para interromper a guerra na Ucrânia com um cessar-fogo negociado que reconheça "as atuais linhas do campo de batalha".

    De acordo com fontes russas, ouvidas pela agência Reuters, o mandatário expressou "frustração" a um pequeno grupo de conselheiros sobre as tentativas apoiadas pelo Ocidente para impedir as negociações e a decisão de seu homólogo ucraniano, Volodymyr Zelensky, de descartar as tratativas com Moscou.

    "Putin pode lutar enquanto for necessário, mas também está pronto para um cessar-fogo que congelará a guerra", afirmaram as fontes russas que já trabalharam com Putin.

    Em entrevista à ANSA, um alto funcionário europeu opinou que o líder russo não estaria pronto para uma trégua em Kiev, principalmente pelas últimas ações de Moscou nos campos de batalha.

    "Nós observamos todos os dias bombardeios de alvos civis. O que vemos é que Putin não está pronto para a paz", afirmou.

    Olaf Scholz, chanceler alemão, comentou em uma coletiva de imprensa em Berlim que o conflito só acabará quando a Rússia "compreender que deve retirar as suas tropas".

    Enquanto isso, o ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergey Lavrov, declarou que as armas fornecidas pelos Estados Unidos são utilizadas pelos ucranianos para atacar civis em território russo.

    O The Wall Street Journal garantiu que as Forças Armadas da Ucrânia atingiram um complexo russo na Crimeia ocupada com mísseis de longo alcance fornecidos pelos norte-americanos. O local servia como um centro de comunicações do exército russo.

    .

Ansa - Brasil   
Compartilhar
Publicidade
Publicidade